Segue-nos

Famosos

Yannick Djaló tenta ver as filhas, Luciana Abreu terá mandado chamar a polícia

De acordo com as suas declarações, Yannick acusa Luciana Abreu de manipular as crianças contra si…

Publicado

em

facebook

A noticia é avançada pela revista TOP! que presenciou e fotografou toda a situação.

Yannick Djálo foi à escola das suas filhas para tentar ver e falar com Lyonce e Lyannii, mas apenas conseguiu chegar à fala com a filha mais nova.

Conforme testemunhou à revista, Yannick terá descoberto a escola onde estão as filhas, mas apenas conseguiu chegar à fala com a mais nova:

“Elas frequentavam uma escola em Cascais e eu não fui informado da mudança, mas eu tinha que descobrir, porque precisava de ver a Lyonce e Lyanni…” , , lê-se na publicação.

Nas declarações o futebolista adianta ainda que a Luciana trata as filhas como mercadoria:

“Mando mensagens à Luciana, mas ela só fala em dinheiro, não me dá acesso, a menos que eu pague. Trata-as como se fossem mercadoria”, lê-se.

De acordo com o que contou à dita revista, Yannick acusa Luciana Abreu de manipular as crianças contra si: 

“Quando chego ao pé dela (Lyannii) disse: ‘olá tartaruguinha’ e ela responde-me’estou na escola papá’ contei que estava ali para lhe dar um beijinho, que não ia tira-la da mãe que apenas tinha saudades e ela disse ‘quero morar com a mamã’, sem eu lhe perguntar nada”, lê-se.

Djálo garante que Luciana faz um jogo psicológico com as filhas e que isso, considera, é prejudicial para as meninas:

“A menina está de cabeça feita, era para me dar um abraço, desistiu a meio, está num jogo psicológico muito duro para uma criança da idade dela.” refere, justificando a atitude das meninas como sendo medo da reacção da mãe,  “Elas têm medo da reacção da Luciana”.

Já dentro da escola, e com ideia de chegar à fala com a filha mais velha,  Djáló relata que foi abordado pela directora do estabelecimento de ensino, que lhe terá pedido para conversarem numa sala, situação que mais tarde percebeu apenas foi para poderem ligar a Luciana e levarem as pequenas ao encontro da mãe.

“A directora da escola pediu-me para irmos para uma sala conversar, que teria sido melhor se eu tivesse avisado da minha vinda.” começa por explicar, referindo que a tudo não passou de uma manobra de distracção para poderem retirar as crianças da escola.

“Percebi que a escola estava a pactuar com a Luciana… levaram-me para uma sala para retirar as minhas filhas ás escondidas”

Nas declarações à revista Yannick Djálo refere que a directora terá ligado a Luciana e que esta a  mandou chamar a polícia: “‘disse para chamar a policia’, respondi ‘chame’, mas eu vou estar aqui à espera. Aí ela ficou aflita. Esperei mais uns minutos e a directora voltou para me dizer que as meninas tinham sido retiradas da escola pela Ana Micaela.”, revelou Djálo à revista.

Yannick garante que não irá desistir das filhas e que irá voltar para as ver:

“Tentei pô-la no meu lugar, a directora chorou, disse que ia tentar chamar a Luciana à razão e eu avisei que ia voltar. Não vou desistir das minhas filhas. Nada me vai atrapalhar. Não vou abrir mão delas”, lê-se na

 

Desde 2005 que te conto, todos os dias, as histórias mais frescas sobre música, famosos e redes sociais... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

TRENDING