Segue-nos

Animais

Video: Cadela abandonada à porta de abrigo tinha “grande surpresa” para quem a salvou

Publicado

em

Às 5h30 da manhã do dia 30 de maio, o Dr. Michael White, diretor do Harris County Animal Shelter, em Houston, Texas, ligou a TV.

Ali, no noticiário local, estava o seu local de trabalho, com o portão de entrada ainda trancado.

O abrigo, que estava superlotado, tinha chegado às manchetes durante o fim de semana do Memorial Day, quando mais de 200 cães e gatos foram ali deixados em apenas três dias.

Naquela manhã a equipa de reporatagem da KHOU11 encontrou outro animal abandonado à porta do abrigo do condado de Harris.

Na televisão, White viu um grande cão branco, acorrentado à cerca do abrigo, com uma corrente de metal pesada. A cadela “sorriu” e abanou o rabo quando viu pessoas a aproximarem-se.

“Eu estava a ver o noticiário local e vi Janelle [Bludau], a repórter, do lado de fora das nossas instalações, no portão ao lado da estrada…”, White disse ao The Dodo.

“Ela estava a falar sobre o cachorro que encontrou, e que tinha sido acorrentado ao portão da frente, quando chegou ao abrigo naquela manhã.”

A repórter disse no noticiário que ficaria com a cadela até que alguém chegasse para deixá-la entrar. White imediatamente deu um salto, vestiu a roupa, e começou a sua viagem de 45 minutos até ao abrigo.

Além de uma infestação de pulgas, e de ser diagnosticada como dirofilariose, a mistura de labrador, de dois anos de idade, parecia estar de boa saúde.

Mas um raio-X logo revelou que a cadela não chegou sozinha ao abrigo. Ela estava à espera 10 filhotes. O estômago era tão grande que se arrastava pelo chão.

Como a equipa estimou que Janelle estava a apenas uma ou duas semanas do parto, White sabia que precisava tirar a cadela do abrigo e colocá-la num lugar calmo, onde ela se sentiria segura.

Apesar de ter dois cachorros, e outros dois cães adotivos, White levou Janelle para casa.

“Eu decidi que não ia deixá-la mais ali, e levei-a para casa”, disse White. “Eu não queria que ela ficasse lá em cima naquela condição…”, concluiu.

Com a família de White, Janelle floresceu, encaixando-se perfeitamente na sua casa. “Ela é extremamente carinhosa com as pessoas”, disse White.

Apenas alguns dias depois de chegar ao lar adotivo, o comportamento de Janelle mudou. White notou que ela não estava a comer e, quando voltou do trabalho a 12 de junho, notou que ela ficou ansiosa e parecia desconfortável.

“Sabíamos que quando cheguei em casa do trabalho naquela noite, algo estava a acontecer”, disse White.

“Eu e minha esposa ficámos com ela a noite toda…”, explicou White. “Às 3h36 da manhã, o [filhote] número 10 nasceu, e pensámos que era o último, mas o número 11 nasceu às 6:05 da manhã. Foi uma noite longa para mim, para a minha esposa e para a Janelle.”

O trabalho árduo e a atenção foram recompensados ​​quando, na manhã seguinte, 11 cachorrinhos saudáveis ​​se contorciam na ao lado da mãe cansada.

Apaixonado por rádio e redes sociais, trago-te todos os dias as histórias mais inspiradoras que encontro na web... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

COMENTÁRIOS

Recomendamos




Recomendamos




TRENDING