Segue-nos

Famosos

Rihanna processa pai por venda de espectáculos (falsos) em seu nome…

Ronald Fenty resolveu fundar uma empresa com um sócio, chamada Fenty Entertainment e começou a fazer negócios através dela usando a reputação a imagem e o trabalho da filha.

Publicado

em

Rihanna / instagram

A noticia é avançada pelo site americano TMZ, que teve acesso à documentação judicial do processo que Rihanna moveu contra o pai.

De acordo com a notícia, em causa está o nome de família da cantora, Fenty, que desde muito cedo Rihanna registou como marca, e que tem usado para diferentes produtos.

Começou com a Fenty Beauty, a sua linha de cosméticos, tendo já estendido ao calçado e à roupa.

A desavença com o pai sobre o uso do nome começou, segundo o TMZ, em 2017 quando este, de nome Ronald Fenty, resolveu fundar uma empresa com um sócio, chamada Fenty Entertainment, e começou a fazer negócios através dela usando a reputação a imagem e o trabalho da filha.

Rihanna terá descoberto que o pai, através da sua empresa, terá usado o seu nome para transacções fraudulentas que lhe rendaram vários milhares de dólares, com o agendamento de 15 espectáculos (falsos) da cantora na América Latina, em Dezembro de 2017.

A cantora não saberia de nada e não terá sequer autorizado estas transacções.

No documentos lê-se ainda que Rihanna por diversas vezes tentou travar o seu pai das suas acções, através de conversa e cartas enviadas à empresa, mas sem sucesso o que levou agora a cantora a mover uma acção judicial.

Desde 2005 que te conto, todos os dias, as histórias mais frescas sobre música, famosos e redes sociais... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

COMENTÁRIOS

Recomendamos




Recomendamos




TRENDING