Segue-nos

Familia

Menino de 9 anos escreve carta ao Pai Natal, e o pedido emociona qualquer um

Há pedidos ao Pai Natal que comovem particularmente… Este menino de 9 anos quer, apenas, uma casa para viver…

Publicado

em

Os dois empregos que ocupam o quotidiano da mãe não são suficientes para cobrirem uma renda, o que obriga a que esta família de Manchester, no Reino Unido, viva “ad eterno” em abrigos temporários…

Louis Williams é uma criança igual a tantas outras e, como tantas outras, gostaria, com toda a certeza, de pedir o brinquedo que está na moda ao Pai Natal. Mas ver a família viver em abrigos temporários foi algo que falou mais alto e o menino preencheu esse imaginário da época natalícia com algo mais real: uma casa para viver.

Nicola Williams, a mãe deste e de outras duas meninas, ficou desolada ao ler a carta que o filho tinha escrito ao Pai Natal.

No total, foram já 14 os abrigos temporários pelos quais esta família já passou. A mãe sublinha o porquê da escolha do presente de natal do filho, em declarações ao Metro UK: “Ele nunca teve um lugar ao qual possa realmente chamar de casa. Sinto que o dececionei”, confessa, mostrando-se verdadeiramente triste.

A família está, agora, numa lista de espera para conseguir uma habitação permanente. Contudo, há situações com maior prioridade, de pessoas em situações mais delicadas, a quem as residências são cedidas primeiro.

“Eu sei que há pessoas que são mais vulneráveis do que nós, mas não é certo que uma criança desta idade precise de pedir uma casa no Natal”, acrescenta a mãe.

Nicolas trabalha “duas vezes por dia, em trabalhos difíceis”, como explica e, mesmo assim, não consegue pagar a renda de uma casa, o que resulta em sentimentos de frustração e angústia.

O mundo pode ser um lugar cruel e injusto, por vezes… Partilha esta história e, quem sabe, ajudarás a que esta família encontre uma casa.

COMENTÁRIOS

Recomendamos




Recomendamos




TRENDING