Galerias

Fotógrafo capta como é andar de metro em Tóquio na hora de ponta

O fotógrafo alemão Michael Wolf, que vive em Tóquio, no Japão, convida-te a dar uma olhada na capital japonesa através dos olhos do viajante diário da cidade. E como estás prestes a perceber, a visão é realmente horrenda.

Michael teve o primeiro contacto com o incrivelmente lotado metro de Tóquio em 1995, após os infames ataques de gás sarin no sistema de metro da cidade.

Depois disso ele passou anos a ir para o metro com sua câmara, para captar a expressão das pessoas presas neste pesadelo claustrofóbico.

O resultado é uma série do fotografias chamado “Tokyo Compression”, e o artista disse algumas palavras duras ao descrevê-lo:

“As pessoas são espremidas contra as paredes com mais e mais pessoas empilhadas”, disse ele à CNN .

“Vivemos a vida como uma sardinha enlatada. É horrível. Esta não é uma maneira digna de viver. É como olhar para um passeio no inferno.”

Mais informações : Michael Wolf  (h / t: huckmagazine , demilked )

COMENTÁRIOS

To Top