Segue-nos

Famosos

Festival da Canção. Fernando Tordo quer provas: “estamos a falar da existência ou não de um crime.”

“Ouço dizer que a cantiga que ganhou o Festival RTP é ainda mais plágio do que a outra do que desistiu. (…)

Publicado

em

Fernando Tordo e Cláudia Pascoal / facebook e instagram

Fernando Tordo foi o compositor da música “Para te dar Abrigo”, interpretada por Anabela, na edição deste ano do Festival da Canção.

O cantor e compositor usou as redes sociais para expressar a sua opinião em torno das acusações de plágio que têm sido feitas à musica vencedora da edição deste ano, “Jardim”, com composição de Isaura e interpretação de Cláudia Pascoal.

Em causa está as semelhanças que muitos internautas começaram a comentar haver com a musica, “To Build a Home”, dos Cinematic Orchestra, musica que serviu de banda sonora do filme, “Brokeback Mountain”.

Isaura em entrevista ao JN, terá dito que “não tem nada a ver, nem sei do que falam. Acho que as pessoas já não sabem o que é plágio e às vezes dizem isso por acharem as músicas parecidas, o que não é de estranhar pois vivemos num mundo de influências”.

Mas Fernando Tordo não considera suficientes estas justificações e acha mesmo que é necessário perceber se existe ou não plágio.

Na página pessoal de facebook, Fernando deixou um testemunho onde aponta o dedo ao facto de se dizer que é plágio e não se fazer prova disso, mas também considera que se na verdade é plágio, estamos perante um crime: “Ouço dizer que a cantiga que ganhou o Festival RTP é ainda mais plágio do que a outra do que desistiu. (…) Mas falta a prova. Onde está a prova? “

Fernando considera a situação grave porque a ser falso é uma “é uma calúnia nojenta.”, mas, na existência de tal prova e a verificar-se a veracidade das alegações que circulam, é grave e trata-se de um crime: “Agora é grave. Porque já está escolhida para representar a RTP no Eurofestival.(…) Se existe e serve de prova, que seja mostrada publica e oficialmente. Não, não estamos a falar só de cantigas, estamos a falar da existência ou não de um crime.”

Ouve aqui os dois temas confere as semelhanças, ou não, dos temas.

.

Desde 2005 que te conto, todos os dias, as histórias mais frescas sobre música, famosos e redes sociais... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

Recomendamos

COMENTÁRIOS

TRENDING