Segue-nos

Mundo

Estudante forçada a urinar num balde na escola recebe indemnização milionária

Publicado

em

Uma ex-estudante da Califórnia, nos Estados Unidos, vai receber uma indemnização de 1,25 milhões de dólares por ter sido obrigada a urinar num balde, e impedida de usar a casa de banho.Os factos remontam a 2012.

Um júri em San Diego decidiu a favor da antiga estudante do liceu Patrick Henry, que colocou uma ação na justiça na sequência do incidente, tendo exigido inicialmente uma compensação de apenas 25 mil dólares (cerca de 23.000 euros).

A adolescente, de 14 anos na altura, não era autorizada a ir à casa de banho por uma professora durante as aulas por causa das “regras apertadas” do estabelecimento de ensino.

A professora sugeriu que urinasse num balde numa arrecadação na parte de trás da sala, e que depois despejasse a urina. O episódio humilhante fez com que fosse alvo de más-línguas, e de textos obscenos por parte dos colegas, o que a levou a tentar cometer suicídio, explicou durante o julgamento que durou três semanas.

O advogado da vítima, Brian Watkins, disse que a sua cliente, atualmente com 18 anos, continua a receber terapia, e estava satisfeita com a decisão.

“Acredito que foi feita justiça, e penso que as autoridades escolares reconhecem isso”, disse, destacando que “eles já mudaram as suas políticas”, pelo que o desfecho “foi positivo para ambos os lados”.

Os responsáveis da escola testemunharam durante o julgamento que a professora, que foi colocada em licença administrativa e nunca mais regressou depois do incidente, não pretendia causar qualquer dano, e que apenas pensou que tinha de cumprir as regras.

.

Apaixonado por rádio e redes sociais, trago-te todos os dias as histórias mais inspiradoras que encontro na web... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

Recomendamos




Recomendamos




COMENTÁRIOS

TRENDING