Animais

Ela dormiu no veterinário para confortar uma cadela que nem sequer conhecia

Hayley Baer não conhecia a cadela em questão, mas quando viu uma fotografia sua na página de Facebook de um amigo, soube, nesse instante, que tinha de a ajudar.

A cadela de que falamos chama-se Majesty, é uma pit bull, tem apenas 4 meses e foi admitida no hospital veterinário da cidade de San Pedro, no Belize, por ter contraído o vírus da Parvovírus, um vírus mortal em cães que acaba por destruir o aparelho digestivo.

“Foi confirmado aos donos que ela tinha as vacinas em dia, quando a compraram. Mas o que os donos não fizeram foi pedir uma prova que o confirmasse”, referiu Hayley Baer ao site The Dodo. “Eles confiaram na palavra das pessoas que venderam a Majesty, mas não o deviam ter feito… Não têm noção dos perigos que isso acarreta”, acrescenta.

Quando surgiu um surto de Parvovírus em toda a ilha de Ambergris Caye, onde está localizada a cidade de San Pedro, Majesty foi um dos animas afetados. A pequena cadela adoeceu, gravemente, e toda a equipa médico reuniu esforços para a conseguir salvar, sem grandes garantias…

Apesar de Majesty ter uma família e não constar em qualquer lista para adoção, Hayley Baer sentiu necessidade de a ajudar, visitando-a no hospital onde se encontrava internada. O sentimento de solidariedade foi, talvez, motivado pelo facto da própria Hayley Baer ter perdido uma pit bull, apenas umas semanas antes do sucedido.

“Guardei um espaço especial para pit bull’s no meu coração”, afirma Hayley Baer.

Na noite em que foi assistida, Majesty tinha 50% hipóteses de sobrevivência, segundo os médicos. Quando Hayley Baer percebeu a gravidade do estado de saúde de Majesty, não quis mesmo sair do seu lado…

“Ofereci-me para ficar ao lado de Majesty durante a noite. Os médicos estavam constantemente a verificar o seu estado de saúde, mas eu fiquei junto dela para poder dar-lhe todo o amor que necessitasse e ofereci-me para ser eu a monitorizá-la”, diz.

A equipa médica conhecia Hayley e confiava nela, portanto, aceitaram que ficasse. Mostraram-lhe, então, como operar a máquina de soro e forneceram-lhe um colchão para que pudesse dormir ao lado da pequena pit bull. Mas Hayley não conseguiu dormir, mantendo-se acordada toda a noite para verificar o estado de saúde de Majesty.
“Ela estava constantemente com altos e baixos… De repente, começou a querer comer e, então, fui-lhe dando pequenas quantidades de cada vez, durante toda a noite”, explica Hayley.

Majesty, à medida que recuperava, dava sinais de que não queria sair perto de Hayley, como a própria afirma: “Ela fazia-me um olhar triste e chorava, se não pegasse nela. Passou toda a noite deitada junto ao meu colchão, enquanto eu lia ou via o Netflix no meu laptop.”

Majesty conseguiu sobreviver àquela noite. E, nos dias seguintes, as melhoras foram significativas!
Quando Hayley foi visitá-la novamente ao hospital, ela agradeceu com beijinhos.

“Ela estava muito alegre e queria dar-me muitos beijinhos… Comeu como uma campeã e não vomitou. Foi um excelente momento, para as duas!”, refere Hayley.

Majesty, entretanto, teve alta do hospital e foi para junto da sua família. Hayley sente-se feliz por a ter ajudado, mas sabe que Majesty também a ajudou a ela.

“Sinto que a minha Jewel me enviou esta princesa para nos ajudar às duas. Fez-me maravilhas, tê-la ajudado…”, finaliza.

COMENTÁRIOS

To Top