Segue-nos
PUBLICIDADE

Big Brother

Virginia López escreveu livro sobre o Big Brother e assume: “O meu maior fiasco de vendas…”

“O livro que menos vendeu, de todos os que já escrevi”, revelou Virginia López…

Publicado

em

Virginia López escreveu livro sobre o Big Brother e assume: “O meu maior fiasco de vendas…”
Reprodução/Redes sociais

Fruto da entrada na segunda edição do Big Brother Famosos, Virginia López escreveu o livro ‘Só Eu Sei Porque Estive na Casa’ que relatou precisamente a sua experiência de ter participado no reality show que a TVI transmitiu entre fevereiro e abril de 2022.

A publicação do livro, em outubro do ano passado, e os consequentes resultados obtidos levaram a escritora a assumir, esta segunda-feira, dia 3 de julho, que este foi o seu “maior fiasco de vendas” e que foi “o livro que menos vendeu” de todos os que já escreveu.

PUBLICIDADE

Só fui para escrever um livro mas… arrependi-me quando assinei o contrato. Quando entrei na casa. E arrependi-me várias vezes por dia, as quatro semanas que passei lá…“, ‘confessa’ Virginia López, que desabafa sobre o “pior” lado da participação no Big Brother Famosos: “Tanta hipocrisia, tanta crítica absurda, tanta maldade gratuita, tanto ódio nas redes sociais (não só contra mim, infelizmente, acontece todos os dias, com tantas pessoas). Foi duro. Muito. Não percebia. Não contava com isso. Genuinamente. E afetou tanto que cheguei a ponderar não escrever este livro. Precisava de me afastar o mais depressa possível. Só que… se não escrevia este livro, então a experiência teria sido em vão. E por isso, armei-me de valor e mergulhei em mim, no mais profundo de mim, para fazer deste livro algo que valesse a pena ser lido“.

Custou. Muito. Mas no fim fiquei satisfeita e enviei para a editora“, escreve na publicação que colocou na rede social Instagram, onde admite ainda sobre a publicação: “O livro que menos vendeu, de todos os que já escrevi. E não fosse tudo isto agora, este livro não teria voltado à televisão. Mas voltou. Porque junto com uma lesão grave de joelho, eu também trouxe daquela experiência um cancro. E não fosse este livro e tudo o que escrevi nele, eu hoje não seria a pessoa que sou. O reality show tirou-me a fé numa parte (gigante) da humanidade; mas felizmente, consegui voltar à minha bolha de amor e gratidão“.

Apesar dos resultados, a escritora fala sobre a parte boa de ter publicado o livro sobre a sua experiência num reality show: “Também me deram mais confiança. Aprendi a amar-me e valorizar-me ainda mais, apesar de todas as mensagens que li. Ajudou-me a ser ainda mais fiel a mim, independentemente de quem critica, ofende e ataca. Então, a pergunta que agora me faço é: como se mede o sucesso, em vendas ou em verdade? Eu sei qual é a resposta para mim“, finaliza.

Veja a publicação:

PUBLICIDADE

TRENDING