Segue-nos

Desporto

Video: Ronaldo conforta Buffon num gesto que está a correr o mundo

Publicado

em

O final de jogo dramático, ontem, em Madrid, foi impróprio para cardíacos.

Depois de na primeira mão o Real Madrid ter vencido em Turim por 0-3, ontem a equipa italiana conseguiu igualar a eliminatória, e nos descontos, Cristiano Ronaldo acabou por desfazer o empate na eliminatória, ao converter um penalti que gerou muita polémica.

O guarda-redes italiano Gianluigi Buffon foi expulso pelo árbitro, por protestos. Já sem a lenda na baliza, Ronaldo eliminou os italianos.

Depois do jogo, Gianluigi Buffon falava à imprensa sobre a partida, quando Cristiano Ronaldo surgiu no corredor. O craque português parou, e deu um abraço sentido ao guarda-redes.

Dois dos melhores jogadores de sempre, a mostrar o que é o fair-play, e o respeito pelo adversário…

No final do jogo o guarda-redes italiano foi duro nas criticas ao árbitro:

“Foi um lance duvidoso. Não se pode acabar com o sonho de uma equipa que deu tudo em campo nos 90 minutos. O árbitro tornou-se o protagonista, um ser humano não pode assinalar um lance duvidoso num jogo como este. No lugar do coração, tens de ter um caixote de lixo para marcar aquela grande penalidade…”

Ronaldo teve uma opinião diferente:

“Foi um jogo sofrido. Que sirva de lição, no futebol nada está garantido. Temos de lutar até final. Hoje o Real poderia ter marcado mais, mas o Buffon esteve muito bem e a Juventus também. Somos justo vencedores… E é penálti! Não entendo por que protestam!”

Apaixonado por rádio e redes sociais, trago-te todos os dias as histórias mais inspiradoras que encontro na web... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

Desporto

Video: Adeptos em Roma gritam “em coro” o “Siiii” de Ronaldo

Publicado

em

Por

Os portugueses João Cancelo e Cristiano Ronaldo marcaram ontem os golos que permitiram à Juventus, líder do campeonato italiano, virar o resultado frente à Lazio em Roma, e ganar por 2-1, em jogo da 21.ª jornada da liga.

Depois de um autogolo de Emre Can ter dado vantagem à equipa da casa, aos 59 minutos, João Cancelo marcou apenas quatro minutos depois de entrar em campo, aos 74, fazendo o empate.

Cancelo sofreu depois uma falta na área, que permitiu a Ronaldo fazer o 1-2 já bem perto do final da partida.

Na celebração do golo, com o tradicional “Siiiii”, parece que todo o estádio “cantou em coro”.

Veja o video:

Continuar a ler

TRENDING