Segue-nos
PUBLICIDADE

Lifestyle

Se te arrepias a ouvir música o teu cérebro é “especial”, diz a ciência

PUBLICIDADE

Publicado

em

Por

Sentes arrepios a ouvir música? A Ciência explica!

PUBLICIDADE

Seja o ‘Despacito’, o novo hit de Shawn Mendes, ou a ‘Quinta Sinfonia’ de Beethoven, se te arrepias a ouvir, há uma razão: o teu cérebro é diferente do da maioria das pessoas.

Esta é a conclusão de Mathew Sacks, estudante de Doutoramento do instituto Brain and Creativity Institute, da University of Southern California,  e licenciado pela Universidade de Harvard, ao realizar um estudo feito com 20 alunos.

Mathew verificou que, dos 20 alunos, 10 sentiam calafrios enquanto ouviam as suas músicas preferidas e outros 10 não.

O aluno realizou exames cerebrais em ambos os grupos e descobriu que o grupo que experimentou calafrios teve um número significativamente superior de conexões neurais entre o córtex auditivo, os centros de processamento emocional e o córtex pré-frontal, que está envolvido na cognição de ordem superior (como, por exemplo, interpretar o significado de uma canção).

PUBLICIDADE

Mathew concluiu, então, que as pessoas que as pessoas que sentem calafrios aos ouvirem música têm diferenças estruturais no cérebro, isto é, têm um maior volume de fibras que conectam o seu córtex às áreas associadas ao processamento emocional, o que significa que estas duas áreas, nestas pessoas, comunicam melhor entre si.

“A ideia geral e a conclusão a que se chega é que a melhor comunicação entre estas duas áreas, bem como o aumento da eficiência dessa comunicação é gerados pelo aumento de fibra”, refere Mathew Sacks à Quartz.
Estas pessoas têm uma grande capacidade de experimentarem emoções intensas, segundo Mathew. Apesar do estudo ser direcionado para a música, centrando-se no córtex auditivo, poderia ser aplicado a qualquer outra área.

PUBLICIDADE

As descobertas de Mathew foram, entretanto, publicadas no jornal científico Oxford Academic.

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

COMENTÁRIOS

TRENDING