Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Sara Matos conta pormenores do parto e revela: “É uma sensação de abismo, de “e agora?”

PUBLICIDADE

Sara Matos, que foi mãe há um mês e uma semana, do pequeno “Manelito”, contou agora como foi o nascimento do filho…

Publicado

em

Reproduções | Redes sociais

Sara Matos foi mãe pela primeira vez no passado dia 15 de setembro, de Manuel, e tem estado, desde então, a viver numa autêntica ‘bolha de amor’.

PUBLICIDADE

Esta sexta-feira, 22 de outubro, a atriz esteve no programa “Casa Feliz”, à conversa com Diana Chaves e João Baião sobre a experiência da maternidade, revelando estar muito feliz.

“Na gravidez só tive mesmo isso, os primeiros três meses tive enjoos, custou um bocadinho, mas faz parte”, começou por dizer, sobre o início da gestação. “E tinha muito calor”, realçou.

Sara Matos contou que gostou de estar grávida e que, além dos enjoos, “tudo o resto correu bem”.

O dia do parto

A ‘mamã’ de Manuel partilhou então como foi o dia em que recebeu o filho, destacando que este nasceu com 3.500kg e às 40 semanas de gestação:

PUBLICIDADE

“Estava um bocadinho nervosa mas ao mesmo tempo expectante (…). Eu queria assim uma coisa tranquila, o Pedro também estava ali ao lado, portanto ouvi umas músicas divertida. Senti tudo. Obviamente que tive dores porque é normal, é um parto, faz parte, mas acho que fui muito intuitiva, foram 15/16 horas ao todo mas acho que estava com uma equipa maravilhosa (…)”.

Sara Matos confessou depois que nunca idealizou como seria o seu parto:

“É mesmo da minha natureza, eu não sou muito de pensar como é que vai ser, eu sou mesmo de deixar ir (…) eu queria sempre o parto natural e acabou por acontecer, o que foi ótimo, mas se não fosse tudo bem, se tivesse que ir para cesariana seria”.

“O Pedro [Teixeira] portou-se tão bem”

PUBLICIDADE

Sobre o momento em que viu Manuel pela primeira vez, a atriz de 31 anos admitiu que foi uma “explosão” de sentimentos:

“Quando eu o vi pela primeira vez (…) é uma sensação estranha porque, de repente, eu ainda não conheço bem o meu bebé. Ele esteve aqui comigo durante nove meses mas eu ainda não o conheço. É uma sensação de abismo, de “e agora?”, “que responsabilidade é esta, como é que eu vou tomar conta deste ser tão pequenino?”, partilhou.

“É realmente uma explosão de emoções que tens de saber equilibrar mas foi assim uma coisa mesmo à filme, ele agarrou logo a maminha para mamar (…) foi mágico (…) é muito bom, é muito mágico”, acrescentou, de sorriso no rosto.

Veja aqui a conversa na íntegra.

PUBLICIDADE

Adoro rádio, televisão, música e sobretudo notícias... Licenciada em Comunicação e Media, todos os dias trago-te os destaques da vida dos famosos...

COMENTÁRIOS

TRENDING