Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Rogério Samora critica SIC: “Deixamos de ser seres humanos e passamos a ser máquinas…”

PUBLICIDADE

Rogério Samora criticou a pressão imposta pela SIC e explicou a razão pela qual quis fazer uma pausa na carreira…

Publicado

em

Por

Rogério Samora/Instagram

Rogério Samora, sem ‘papas na língua’, falou sobre tudo o que sente em relação à pressão imposta pela SIC, nomeadamente no projeto ‘Nazaré’ no qual integra o elenco, e ainda sobre a razão pela qual decidiu fazer uma pausa depois da novela ‘Amor Maior’.

PUBLICIDADE

Em declarações à revista TV Guia, criticou a pressão imposta pela estação televisiva nas gravações de ‘Nazaré’ que, vai já na segunda temporada. Disseram-me que ia ter mais tempo, que ia ser tudo mais lento, mas ao final de um mês esquecemos isso tudo porque porque era preciso acabar por causa da estrutura e financiamentos. E depois senti que, desta vez, houve mais pressão por parte da produção e dos assistentes de realização para que o trabalho se fizesse”, explicou.

“E pressão não é boa para quem trabalha com emoções. Aliás, não é boa em lado nenhum. Deixamos de ser seres humanos e passamos a ser máquinas. Senti-me como um cavalo a ser chicoteado para chegar à meta”, acrescentou ainda.

À mesma fonte, o ator justificou a razão pela qual anunciou que precisava de uma pausa na carreira na altura em que gravava ‘Amor Maior’, na SIC. Salientou que foi um ato impulsivo, uma consequência do que viveu naquele projeto.

Sobre o futuro o ator prefere não falar, uma vez que o contrato com a SIC acaba já no final do ano.

PUBLICIDADE

Recomendamos

COMENTÁRIOS

TRENDING