Segue-nos

Famosos

Raquel Tavares revela profunda admiração por Hernâni Carvalho

A fadista fala com emoção da relação de cumplicidade que tem com o jornalista…

Publicado

em

Raquel Tavares / Instagram

Raquel Tavares manifestou pela primeira vez publicamente a relação de forte cumplicidade que tem com Hernâni Carvalho.

“O ‘meu’ Hernâni é uma das mais felizes memórias da minha infância.” É desta forma que a fadista revela a admiração pelo jornalista da SIC.

Uma relação de amizade que começou cedo e que Raquel Tavares fez questão de destacar um dia depois de Hernâni Carvalho ter celebrado o seu aniversário.

“Andou (literalmente) comigo ao colo, brincou muito comigo na antiga RTP, pelos corredores da 5 de Outubro, e sempre que entrava à porta da minha casa os meus olhos brilhavam”, conta.

Na publicação que fez no seu Instagram, a fadista e confessou o fascínio e a admiração pelo comunicador.

“Foi o meu primeiro ídolo. Ficava colada à televisão quando o via em reportagem em Timor. Foi por isso que decidi que queria ser jornalista. Ele era (e é) tudo o que eu mais ambicionava ser. O fascínio pela comunicação, o jornalismo digno, a criminologia, a psicologia forense, o conhecimento profundo do ser-humano, são uma paixão para mim porque ele existe. Mas mais importante que tudo, é o homem que ele é.”

A finalizar, Raquel Tavares enalteceu as qualidades humanas de Hernâni Carvalho. “O Hernâni, tem um sentido de humanidade como poucos, é o amigo que qualquer pessoa desejaria ter, tem um olhar doce e sereno e transpira ternura e bondade. A mim, abraça-me sempre como sendo a sua menina, com todo o amor que uma vida inteira nos trouxe. Eu, continuo a olhar para ele embevecida e com um orgulho desmedido. Tenho muita sorte em tê-lo. Parabéns, meu Hernâni”.

Sou jornalista desde sempre, diria. Comecei na rádio, no tempo em que ‘explodiram’ as rádios locais. Mais tarde, o ‘bichinho’ do jornalismo regressou e eu voltei, desta vez para as revistas. Trabalhei 11 anos na Media Capital, na revista Lux. Gosto de artistas: actores, actrizes, cantores, gente da televisão… E gosto de escrever sobre eles, de conhecer o seu outro lado. Sou jornalista de formação, tenho a Carteira de Jornalista desde 1993 e isto é o que faço e farei. Para o resto da vida. Provavelmente.

COMENTÁRIOS

Recomendamos




Recomendamos




TRENDING