Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Polémica! Leandro expõe elemento da RTP1: “Não admito que me faltem ao respeito…”

Leandro fez um direto na sua conta de Facebook onde reagiu a toda a polémica sobre a sua “falha” no “Natal dos Hospitais”…

Publicado

em

Polémica! Leandro expõe elemento da RTP1: “Não admito que me faltem ao respeito…”
Reproduções | Redes sociais

Depois de, na manhã desta quinta-feira, 16 de dezembro, ter informado, através das redes sociais, que decidiu não subir ao palco do “Natal dos Hospitais”, como aqui contámos, Leandro foi contactado pela Nova Gente e explicou a situação:

“Quando cheguei à RTP, percebi que tinham colocado a minha atuação da parte da manhã, que é o horário em que os cantores ditos pimba, ou populares, atuam”, afirmou, admitindo não se enquadrar nesta classe musical.

PUBLICIDADE

Recorde aqui: Leandro explica porque “falhou” Natal dos Hospitais e atira: “Vou fazer queixa…”

Horas mais tarde, através da sua conta de Facebook, Leandro fez um direto com o seu público onde partilhou todos os pormenores do episódio em questão.

“O que aconteceu hoje no canal RTP1 nada teve a ver com os profissionais da RTP1, teve a ver apenas com uma única pessoa chamada Cristina, que é a diretora ou a pessoa que marca os artistas, está falado o nome da pessoa”, começou por dizer.

Leandro explicou que esteve, durante vários anos, numa editora, onde foi sempre “rotulado como um cantor de musica popular”, destacando que acabou por rescindir contrato e abrir a sua própria editora:

PUBLICIDADE

“Houve muita gente que ficou um bocado ressabiada com esta situação e então tentam (…) cortar as pernas. Eu não me enquadrava no registo da parte da manhã do programa da RTP, musicalmente, e decidi não subir ao palco porque não era um registo com o meu nome…”, frisou.

“Eu sou um cantor romântico eu não sou um cantor de música portuguesa popular”

Mais tarde, sublinhando sempre que valoriza a sua carreira e que achou que esta atitude por parte do elemento da produção foi uma falta de respeito, Leandro fez até algumas comparações:

“A Cristina achou por bem pôr-me num leque de artistas de música popular, eu quando cheguei lá (…) neguei subir ao palco porque as pessoas têm que respeitar a tua carreira, o teu trabalho”.

“Será que esta pessoa, a Cristina da RTP metia um Tony Carreira, um Marco Paulo a fazer a parte da manhã? Acho que não não é? Portanto, as pessoas têm que ter noção…e eu já tive muitos problemas com esta pessoa em si e desde que saí da editora sinto muita dificuldade…têm que que respeitar a música, os artistas e o que eu fiz voltaria a fazer e não é falta de humildade mas é carácter, eu tenho carácter e não admito que me faltem ao respeito”.

Veja aqui, ao minuto 7:18 e 9:00.

TRENDING