Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Pedro Crispim responde a amigo de Pedro Alves: “Parece-me que também gosta do mediatismo…”

PUBLICIDADE

Acusado de querer protagonismo, Pedro Crispim respondeu ao amigo de Pedro Alves, deixando-lhe ainda uma sugestão…

Publicado

em

Por

Site / TVI

Pedro Crispim e Ana Garcia Martins, mais conhecida por “A pipoca mais doce” foram ontem, durante a gala do BB2020, acusados por parte do amigo de Pedro Alves, Rui,  de atacar o concorrente apenas para aparecer e terem palco.

PUBLICIDADE

Ao comentarem a prestação do amigo e aproveitando a oportunidade Rui fez questão de mandar recado directamente a Ana Garcia Martins que respondeu na hora, visto estar em estúdio e a Pedro Crispim:

“Uma coisa é comentar, outra coisa é fazer comentários depreciativos de forma a julgar as pessoas em praça pública, isso aí é feio e isso aí não é comentar nem ser profissional e, na verdade, o que está a acontecer é que algumas pessoas parece que necessitam deste programa para ganhar algum protagonismo, se eles quiserem protagonismo concorram a este tipo de programas porque é para isso que eles servem e não usar a imagem das outras pessoas para caçar likes”, atirou.

O comentador do BB Extra, que está de férias, de imediato reagiu nas redes sociais.

PUBLICIDADE

Mas esta tarde, durante o BB Diário com Mafalda Castro, Pedro Crispim entrou em directo para se pronunciar sobre o assunto e também não deixou nada por dizer atacando os amigos de Pedro Alves:

“Na realidade estou-me completamente a marimbar para os os comentários dos amigos do Pedro ou para os seguidores ou para os fãs. Eu fui contratado pela TVI para fazer este trabalho, eu sou pago para o fazer, e no dia que a direcção achar que já não faz sentido eu permanecer no programa,’adeus maria ivoine’, eu tenho uma vida cá fora e tenho 24 anos de carreira, não vai ser isto que vai ser uma pedra no meu sapato.”, começou por dizer acusando de seguida os amigos do concorrente de Penafiel de, eles sim, procurarem protagonismo.

“E mais, eu não procuro o BB Extra para ter protagonismo, o meu programa de tv,  eu fiz em 2004. Quem procura protagonismo são os concorrentes do reality show, legitimamente, e nesse sentido também me parece que esse amigo do concorrente também gosta de um social básico, de uma bobagem, do mediatismo, por isso é que se meteu ao jeito.” , refere concluindo ainda que os amigos de Pedro Alves podiam ter aproveitado o ‘palco’ que lhes foi dado durante a gala para realçar o que de bom o concorrente tem, ao invés de atacar os comentadores.

PUBLICIDADE

“E vamos lá ver outra coisa foi-lhe dado timing para ele poder defender e mostrar outro lado do Pedro Alves para o publico e ele usou esse espaço para atacar.”

Podes ver o momento aqui.

COMENTÁRIOS

TRENDING