Segue-nos
PUBLICIDADE

Big Brother

Pedro Crispim ‘não perdoa’ atitude de Hélder: “Para mim o Hélder era expulso…”

PUBLICIDADE

Pedro Crispim revelou estar “completamente saturado das brincadeiras” do concorrente de Santa Maria da Feira…

Publicado

em

TVI/Site

Este quarta-feira, 27 de janeiro, foi para o ar mais um “Extra” do “Big Brother-Duplo Impacto”, conduzido por Alive Alves, na TVI.

PUBLICIDADE

Foi anunciado, durante a emissão, que Hélder será sancionado esta quinta-feira (28) por ter feito, já por duas vezes, dentro da casa da Ericeira, a saudação nazi.

Veja aqui.

Pedro Crispim, que participou no programa via skype, uma vez que está a cumprir o seu isolamento, depois de ter testado positivo para a Covid-19, comentou o tema.

O stylist revelou estar cansado das brincadeiras do concorrente de Santa Maria da Feira, referindo que “são sempre levadas longe demais”:

PUBLICIDADE

“Isto teve início nos anos 20 e é uma ferida que não cicatriza até aos dias de hoje (…) pelas mais de 11 a 12 milhões que morreram com este extermínio étnico todos nós devíamos ter consciência daquilo que aconteceu… e que o eco dura até aos dias de hoje”, disse depois.

Pedro Crispim considerou que, sendo o “Big Brother” um programa com uma consciência social, a penalização dada ao Hélder deveria ser a expulsão: “O Hélder tem que ser sancionado e para mim o Hélder era expulso”.

Ora veja.

Adoro rádio, televisão, música e sobretudo notícias... Todos os dias trago-te os destaques da vida dos famosos...

COMENTÁRIOS

TRENDING