Segue-nos

Famosos

Nelson Rosado revoltado com companhia aérea: “Reparem sempre nas vossas bagagens…”

O músico decidiu recorrer às redes sociais para expor uma situação que aconteceu consigo e deixar um “alerta” aos seguidores…

Publicado

em

Nelson Rosado/Instagram

Nelson Rosado recorreu às suas redes sociais para mostrar a sua indignação face a uma companhia aérea.

O músico dos “Anjos” decidiu partilhar um vídeo na sua página de Facebook onde explicou uma situação que aconteceu consigo:

“Eu já vos habituei a promover nas minhas redes sociais tudo aquilo que nós gostamos, nomeadamente gastronomia, paisagem, promover as marcas (…) mas também já vos habituei dando aqui algumas experiências pessoais negativas de vos transmitir também quando as coisas não correm bem, é o caso de hoje”, começou por dizer.

Nelson afirmou que pensou muito antes de falar da companhia aérea e do sucedido, no entanto e uma vez que não obteve nenhuma reposta por parte desta, decidiu fazê-lo:

“Eu despachei uma bagagem, e reparei que quando chegou ao pé de mim tinha algumas marcas que não é normal, porque esta mala é bastante resistente, e eu quando abri a mala reparei que tinha a mala completamente partida aqui em baixo”, afirmou.

O artista contou ainda que reclamou, de imediato, no aeroporto e que foi encaminhado para uma loja com o intuito de ‘substituir’ a sua mala por outra, no valor inferior à sua.

Confrontado com a situação, Nelson ficou bastante indignado e procedeu a uma nova reclamação à companhia aérea:

“O que está em causa é que eu quero uma mala igual a esta, expus a situação por e-mail, e até ao dia de hoje não me responderam e já vou na segunda reclamação (…)”.

O irmão de Sérgio Rosado contou, depois, que fez a denúncia também para deixar uma mensagem de alerta às pessoas:

“Isto é um aviso lá para casa, reparem sempre nas vossas bagagens quando chegam aos aeroportos para verificar o estado da mesma, e reclamem junto das entidades competentes e responsáveis e caso tenham problemas como eu estou a ter e não tenham respostas, façam como eu, denunciem estas situações (…)”.

No final, o músico terminou:

“Espero que a companhia aérea se retrate e eu possa vir aqui dizer que as coisas foram resolvidas”.

Famosos

Rui Maria Pêgo: “Ninguém pode ser convertido em nada. Somos o que somos.”

O filho de Júlia Pinheiro esteve no programa “5 Para a Meia Noite” e respondeu abertamente as todas as questões que lhe foram feitas…

Publicado

em

Mafalda Veiga/Instagram

Esta quinta-feira, 17 de Janeiro, foi para o ar mais um “5 para a meia noite”, na RTP1.

Rui Maria Pêgo foi um dos convidados do programa e esteve na rubrica “Pressão no Ar”, que consiste num conjunto de perguntas ao entrevistado.

Assim, e confrontado com a questão: “Quais as três pessoas em Portugal que gostavas que calassem mesmo a boca?”, o filho de Júlia Pinheiro respondeu de imediato:

“Maria José Vilaça [a psicóloga que defende que a homossexualidade é uma doença] (…) Maria Leal e tenho uma péssima, não vou dizer”, começou por dizer, atirando de seguida o terceiro nome: “Mafalda Veiga”, confessando: “Mas é porque eu não gosto muito da música mas há pessoas que gostam muito”.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

A julgar pelo sorriso, concluímos que o @ruimariapego queria mesmo vir à #pressãonoar! 😀 #5meianoite #rtp

Uma publicação partilhada por 5 Para a Meia-Noite (@5meianoite) a

Mais à frente, e ‘pegando’ na primeira resposta dada pelo animador de rádio, Inês Lopes Gonçalves questiona: “O que é que tu dirias a Maria José Vilaça?”, ao que Rui Maria Pêgo responde:

“Eu diria que… Acho que o grande problema de Maria José Vilaça é não ter experimentado nada que a fizesse realmente feliz. Aliás, há lá um momento em que ela diz, numa entrevista,«podia ter me acontecido a mim, eu estive perto de que me acontecesse». Se calhar podia ir passar umas férias com umas amigas, para animar, não é? ‘Vai Vilaça que é mesmo tua’”.

Num tom mais sério, o filho de Júlia Pinheiro ainda reforçou:

“É gravíssimo que alguém crie um grupo e que venda uma coisa como uma terapia de conversão. Ninguém pode ser convertido em nada. Somos o que somos e não temos se quer que ter dúvidas”.

Vê a entrevista na íntegra aqui:

Continuar a ler

TRENDING