Segue-nos
PUBLICIDADE

Mundo

Menino de 7 anos algemado depois de bater na professora. O vídeo está a causar indignação

PUBLICIDADE

Publicado

em

Um menino de apenas 7 anos de idade foi detido em Miami, nos Estados Unidos, depois de ter agredido a professora na escola.

PUBLICIDADE

A criança terá ficado com raiva depois de a professora o ter repreendido por estar a brincar com comida no refeitório. Depois da agressão, a polícia foi chamada ao local, algemou a criança, e levou-o para avaliação psicológica no hospital.

A mãe gravou o vídeo da detenção, e está a acusar a polícia de abuso de poder.

A polícia levou o menino algemado para o hospital infantil da Flórida. Uma lei do estado da Flórida, permite que a polícia leve os detidos, com possíveis problemas mentais, para avaliação num período de 72 horas, mesmo contra a sua vontade.

A mãe do menino, Mercy Alvarez, em entrevista à Associated Press, negou que o filho tivesse qualquer problema mental, e classificou a atitude como “abuso policial”.

PUBLICIDADE

“Se o meu filho deixou de estar agressivo quando chegámos, como eles dizem que estava, por que razão tomaram medidas tão drásticas? Isto é demais para um menino da idade dele. Não pode ser um procedimento normal”.

No Facebook, a mãe partilhou o vídeo do momento da detenção do filho.

PUBLICIDADE

“Um amigo postou este vídeo no dia em que eu me senti impotente, ao ver meu filho de 7 anos algemado, acusado injustamente de ter problemas mentais. Mas eu quero que essa oficial saiba que nunca mais fará mal a nenhuma criança desta maneira.

Aos pais que passaram pelo mesmo, só posso recomendar que nuca se calem. Uma criança de 7 anos não merece viver uma situação como esta. Peço a todos os meus amigos que partilhem para que se conheça esta injustiça”, escreveu.

Apaixonado por rádio e redes sociais, trago-te todos os dias as histórias mais inspiradoras que encontro na web... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Recomendamos

COMENTÁRIOS

TRENDING