Segue-nos

Famosos

Maria Vieira arrasa programa ‘Roast’: “Nem a troco de um milhão quanto mais 535€…”

Maria Vieira revelou que foi convidada para participar no “Roast” a Ljubomir Stanisic mas não aceitou referindo até que teve “vergonha de assistir”…

Publicado

em

Ljubomir Stanisic/Instagram

Foi para o ar no passado sábado, 07 de dezembro, na TVI, o “Roast” a Ljubomir Stanisic.

O programa, que é no fundo um espetáculo de humor, tem como finalidade reunir um conjunto de convidados, humoristas ou não, para fazerem piadas a uma pessoa previamente escolhida.

A atriz foi, há umas semanas, convidada pela produção do mesmo para ser uma das pessoas a participar, e fazer piadas acerca do chef de cozinha no entanto não aceitou:

“Eu não tenho por hábito assistir ao que se passa nas televisões nacionais mas por acaso já me tinha deparado nas redes sociais com algumas cenas daquilo que acontece nesse, enfim… nesse momento televisivo, por alturas de um episódio em que participou o José Castelo Branco e como tal, de uma forma simpática e civilizada, declinei o convite…”, escreveu na sua página de Facebook.

Apesar da insistência do produtor, Maria Vieira contou que se mostrou sem interesse em participar:

“(…) Ainda perdeu algum do seu precioso tempo a tentar convencer-me a fazer parte de uma coisa que eu não faria nem a troco de um milhão de Euros quanto mais pelos 535 Euros que eles devem pagar a cada uma daquelas figuras que alinham naquele festival de mau gosto…”, referiu.

Ainda assim, assistiu ao programa exibido na TVI, e tal como esperava, não gostou daquilo que viu, considerando o dito espectáculo pior até do que os reality-shows que são exibidos na televisão portuguesa:

“Resolvi dar uma espreitadela na coisa apenas para ver até que ponto a imbecilidade, o exibicionismo, a ausência de princípios e a pobreza de espírito podem chegar e acabei por concluir que ao pé desse “Roast”, o “Big Brother” e todos esses “Reality-Shows” medíocres e acéfalos que inundam a maioria dos canais de TV aberta são praticamente umas peças de William Shakespeare”, sublinhou.

Maria Vieira terminou referindo que muitas das pessoas que viu fazerem parte do espectáculo foram em tempos seus colegas de trabalho e que, apesar de respeitar cada um deles, não entende como conseguiram aceitar o convite:

“Apesar de cada qual ser livre de fazer o que muito bem lhe apetecer, juro que não consigo entender como é que é possível alguém sujeitar-se àquilo que eu, apenas e tão só como espectadora, tive vergonha de assistir!”, admitiu.

Vê aa publicação na íntegra aqui:

.

Tenho 21 anos e sou formada em Comunicação. Apaixonada pelos media, acabei o curso e comecei a escrever aqui logo de seguida... Adoro rádio, televisão, música e sobretudo notícias... Todos os dias trago-te os destaques da vida dos famosos...

Recomendamos

COMENTÁRIOS

TRENDING