Segue-nos

Lifestyle

Marca usa homens nus em campanha, para inverter os papéis e testar reacções

Publicado

em

Um grupo de homens nus foi usado como mero endereço num anúncio, com o objetivo de mostrar como se sentem quando os papeis são trocados…

O cenário é quase sempre o mesmo: um homem super bem vestido, com um carro de luxo e uma mulher totalmente submissa e praticamente nua está à sua espera num apartamento, igualmente de luxo!

A Suistudio, uma empresa de moda, gerida por mulheres, quer dar a volta a esta tendência com a campanha – adequadamente! – intitulada ‘Não vestimos homens”.

O mote da campanha quer, por um lado, aludir ao facto de ser uma empresa de vestuário exclusivo para mulheres, mas, por outro, ao facto de recorrer, intencionalmente, a homens nus para promover os seus produtos. As imagens mostram várias mulheres em posição de de poder e domínio, enquanto os homens ocupam uma posição de submissão e puro adereço de cenário.

Uma forma inteligente de a empresa mostrar o seu desagrado com a tendência sexista que se tem vividos nos últimos tempos na sociedade. Mas que não foi, no entanto, recebida da melhor forma por todos… Há quem acuse, agora, a vice-presidente da empresa, Kristina Barricelli, e a sua equipa de marketing e publicidade de promoverem, também elas, a visão sexista e a objetificação – algo que as próprias condenam.

De acordo com um email enviado ao jornal Upworthy, a vice-presidente defende a sua campanha, afirmando que se trata de uma “chamada de atenção, precisamente, para que todos os consumidores se apercebam dessa sexualização e objetificação que tem vindo a ser feita ao longo dos anos!”

Vê as imagens e diz-nos de tua justiça! Partilha com os teus amigos, para que eles possam também ter uma opinião.

COMENTÁRIOS

Recomendamos




Recomendamos




TRENDING