Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Manuela Couto revela: “Continuo com as cinzas da minha mãe em casa”

PUBLICIDADE

Manuela Couto perdeu a mãe no final do mês de abril…

Publicado

em

Manuela Couto/Instagram

Manuela Couto perdeu a mãe no final de abril, numa altura em que o país atravessava uma período de quarentena, devido à pandemia da Covid-19.

PUBLICIDADE

Em entrevista à revista TV Guia, a atriz, de 55 anos, falou sobre esta perda, revelando que a causa da morte da progenitora em nada teve a ver com o vírus:

“Dos quatro, eu, os meus pais e o meu irmão, há 25 anos, fiquei só eu…”, começou por dizer. “Ela tinha 90 anos e foi ficando debilitada, pois tinha Parkinson… Foi isso”, afirmou, em declarações à referida publicação.

Manuela Couto referiu que o seu luto ainda não está feito, sublinhando que, devido à pandemia, não conseguiu fazer uma despedida à sua mãe como queria:

“Conseguimos fazer o velório e a cremação, vieram os meus sobrinhos, estavam os meus filhos…E passámos o dia juntos, mas não foi nada do que tinha imaginado para lhe dizer adeus”, confessou.

PUBLICIDADE

Manuela Couto referiu também que a mãe estará sempre junto de si e que ainda não colocou as suas cinzas no cemitério:

“Penso nela, nos meus pais, todos os dias. Essa presença é constante e acho que acontece com toda a gente. Os mortos continuam junto de nós. Aliás, no meu caso, continuo com as cinzas da minha mãe em casa. Hei de levá-las um dia… Há um sítio, no cemitério, onde estão as do meu pai e do meu irmão. Mas sei que ela não se importa que ainda não a tenha levado para lá”, contou, em entrevista à TV Guia.

Adoro rádio, televisão, música e sobretudo notícias... Todos os dias trago-te os destaques da vida dos famosos...

Recomendamos

COMENTÁRIOS

TRENDING