Segue-nos

Famosos

Luís Borges processou Sónia Costa, Gonçalo Quinaz e Duarte Siopa. Ministério Público “não lhe deu razão”

Em causa estão afirmações proferidas sobre a relação de Luís Borges e Eduardo Beauté no programa ‘Manhã CM’, em outubro de 2021…

Publicado

em

Por

Luís Borges processou Sónia Costa, Gonçalo Quinaz e Duarte Siopa. Ministério Público “não lhe deu razão”
Luís Borges/Instagram

Luís Borges apresentou uma queixa por difamação contra Sónia Costa, Gonçalo Quinaz e Duarte Siopa que teve por base afirmações proferidas pelos três sobre a relação do modelo com Eduardo Beauté no programa ‘Manhã CM’, da CMTV, no dia 14 de outubro de 2021.

Segundo revela a revista TV 7 Dias desta sexta-feira, dia 4 de agosto, o Ministério Público “não lhe dei razão” e considerou “que não existem indícios suficientes da prática do crime”. Como resultado, Luís Borges teve de avançar com um acusação particular sendo que a publicação conta ainda que Duarte Siopa e Gonçalo Quinaz pediram abertura de instrução para serem retirados do processo.

No programa ‘Manhã CM’ de dia 14 de outubro de 2021, Sónia Costa recordou a relação de Luís Borges com Eduardo Beauté e afirmou: “Não concordo com o que aconteceu na relação anterior e aquilo a que levou. Para mim é óbvio: os desgostos levam a muitas situações e o Beauté estava a viver um desgosto muito grande. Depois o comportamento do Luís… foi um condutor imprescindível. O Luís sabia o que tinha feito. O Beauté estava a passar muito mal, pediu ajuda e ele não o ajudou. Não consigo encaixar isso“. Gonçalo Quinaz acrescentou: “Mas será que também tem condições para dar um prato de sopa a alguém?“.

Sobre Duarte Siopa, Luís Borges considera que o apresentador do ‘Manhã CM’ teceu “comentários sobre o assunto, afirmando que as alegações feitas se traduziam numa conduta grave deste, transmitindo-os para o público como verdadeiros“.

De acordo com o que consta no processo, o modelo refere ainda que as palavras mencionadas causam-lhe “grandes transtornos pessoais e prejuízos profissionais” e, nas semanas seguintes à transmissão do programa da CMTV, ficou com “receio constante de ser confrontado pelos filhos menores sobre se este ‘tinha feito ao pai’ o que foi alegado” e, desta feita, ter de falar sobre a morte de Eduardo Beauté, “um tema muito complexo e doloroso que poderia, inclusivamente, trazer graves traumas para os menores“.

COMENTÁRIOS

TRENDING