Segue-nos

Famosos

Joana Latino sobre desabafos de Florbela Queiroz: “Acho estas publicações dela ridículas…”

Florbela Queiroz tem feito alguns desabafos sobre o seu afastamento do meio artístico: “Fico incomodada com esta revolta toda…”, admitiu Joana Latino.

Publicado

em

Florbela Queiroz/Facebook

Florbela Queiroz usou as redes sociais para fazer um desabafo sentido.

Uma vez que o país está a atravessar uma fase difícil face à pandemia do novo coronavírus, a artista revelou estar preocupada com o futuro dos artistas, nomeadamente o seu:

“Estou muito triste sinto que quando isto acabar já não vou ter lugar em lado nenhum nem nos grupos que levam o teatro pelo país nem na televisão”, começou por escrever no post que fez na sua conta de Facebook.

De seguida, partilhou como têm sido estes tempos afastada do mundo artístico:

“Vou morrer sem voltar a trabalhar. Os dois anos que estive parada, o desgosto deu-me cabo da boca, da cara, da pele! Que Deus me leve!”, desabafou, notoriamente desesperada.

No final, terminou com um apelo: “Que a cultura prevaleça e o teatro continue porque o teatro não pode morrer! VIVA O TEATRO EOS SEUS RESISTENTES”.

Vê aqui:

Ora esta e outras publicações do género foram comentadas no programa “Passadeira Vermelha” e Joana Latino fez questão de dar a sua opinião.

Começou por referir que fica “incomodada” com estes discursos, não só de Florbela, mas de muitos artistas que se insurgem nas redes sociais:

“Fico um bocadinho incomodada com esta revolta toda da comunidade artística que tem feito muitos discursos que eu acho que não fazem qualquer sentido. Porque há sempre uma balança em que temos de provocar equilíbrio e não outra coisa qualquer”, afirmou.

De seguida, referiu que estamos a viver tempos difíceis e que o importante agora é pensar na saúde das pessoas:

“Não pode haver concertos nem sequer com 30 pessoas, quanto mais com 30 mil, porque estamos ameaçados de morte. Os artistas não podem vir para aqui com este tipo de discurso, que ‘fomos os primeiros a parar e vamos ser os últimos a recomeçar’, porque estamos em guerra”, considerou.

Joana Latino realçou que é “a vida das pessoas que está em causa”, admitindo depois: “Acho estas publicações dela são ridículas…”.

No final, a jornalista da SIC frisou que de um modo geral, os artistas têm que mudar a sua atitude:

“Faz-me muita confusão este discurso miserabilista quando nós temos médicos, enfermeiros e todos os técnicos a arriscar a vida por nós…Estes são tempos excecionais e custa-me que as pessoas não percebam que estão a revelar a sua mesquinhez”, concluiu.

Vê o momento aqui.

.

Tenho 21 anos e sou formada em Comunicação. Apaixonada pelos media, acabei o curso e comecei a escrever aqui logo de seguida... Adoro rádio, televisão, música e sobretudo notícias... Todos os dias trago-te os destaques da vida dos famosos...

Recomendamos

COMENTÁRIOS

TRENDING