Segue-nos

Animais

Husky foi condenado ao abate por não conseguir andar. 10 dias depois aconteceu isto

PUBLICIDADE

Publicado

em

Este cachorrinho chamado Casper, é um Husky Siberiano puro, que nasceu com o síndrome do cão nadador. Esta condição, faz com que seja quase impossível que o animal possa andar normalmente. Quando nasceu, o dono não sabia o que fazer com ele, e o abate parecia ser a melhor resolução para o caso.

A “Coastal German Shepherd Rescue” recebeu a notícia de que Casper seria sacrificado. Gina, uma biotecnóloga da Acuscope, estava empenhada em salvar a vida de Casper, e levá-lo a um veterinário. No entanto, o veterinário tinha um plano semelhante ao do seu dono, e sugeriu também o abate.

PUBLICIDADE

O coração, e os membros fracos do animal sugeriram ao médico que Casper não sobreviveria mais do que três meses.

A mulher, de coração partido, decidiu levá-lo para casa, e começou a fazer alguns tratamentos.

No dia seguinte, Casper começou a fazer barulhos. Ao 5º dia, Casper já se conseguia manter de pé, mexendo-se um pouco.

PUBLICIDADE

Ao 10º dia foi capaz de correr como qualquer outro cão. Fica mais uma prova de que, por vezes, basta lutar por aquilo em que acreditamos, para ser possível concretizar.

Apaixonado por rádio, notícias e redes sociais, trago-te todos os dias as histórias mais inspiradoras que encontro na web...

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

COMENTÁRIOS

TRENDING

v