Segue-nos

Televisão

Filomena Cautela e Vasco Palmeirim: a nova dupla da RTP

Juntos, vão apresentar ‘I Love Portugal’, a nova aposta do canal público…

Publicado

em

Vasco Palmeirim / Instagram

Já tinham trabalhado juntos no Festival da Canção.
Desde então ficou a ideia de os juntar no mesmo projecto e o momento chegou.

Filomena Cautela e Vasco Palmeirim são a nova dupla sensação da RTP1

“Este senhor é um dos maiores profissionais que temos a trabalhar em televisão hoje em dia”. A declaração é de Filomena Cautela, à revista ‘Nova Gente’, e serviu para definir o companheiro na condução do concurso ‘I Love Portugal’. A estreia desta nova aposta da RTP1 está agendada para 11 de agosto e manter-se-á na antena do canal, todos os domingos, até 6 de outubro, dia de eleições legislativas.

A escolha dos apresentadores para o formato de entretenimento é a concretização de uma aposta da própria estação iniciada há cerca de meio ano, quando Cautela e Palmeirim se juntaram pela primeira vez na final do Festival da Canção. A experiência não podia ter corrido melhor.

Os dois apresentadores mostram-se felizes e entusiasmados com a perspectiva de dividirem a apresentação: “Nós trabalhámos essa vez juntos e assim que o Festival acabou, e ainda com a adrenalina do momento, dissemos logo que tínhamos de voltar a fazer alguma coisa. Quando me disseram que o I Love Portugal ia ser com a Filomena disse logo para contarem comigo. Nós jogamos o mesmo campeonato”, disse o apresentador à mesma publicação.

Quanto a Filomena Cautela, reforça a boa empatia que tem com o colega: “Somos farinha do mesmo saco. É muito fácil comunicarmos um com o outro sem dizermos nada. Sendo que só apresentámos juntos o Festival, este tem sido um encontro muito feliz”, declarou.

Sou jornalista desde sempre, diria. Comecei na rádio, no tempo em que ‘explodiram’ as rádios locais. Mais tarde, o ‘bichinho’ do jornalismo regressou e eu voltei, desta vez para as revistas. Trabalhei 11 anos na Media Capital, na revista Lux. Gosto de artistas: actores, actrizes, cantores, gente da televisão… E gosto de escrever sobre eles, de conhecer o seu outro lado. Sou jornalista de formação, tenho a Carteira de Jornalista desde 1993 e isto é o que faço e farei. Para o resto da vida. Provavelmente.

COMENTÁRIOS

Recomendamos




Recomendamos




TRENDING