Segue-nos

Actualidade

Filipe Augusto venceu o concurso Sangue Novo da ModaLisboa e houve duas menções honrosas

O jovem ‘designer’ de moda Filipe Augusto venceu o concurso Sangue Novo, da 50.ª edição da ModaLisboa, que decorre até domingo, com uma coleção que homenageia o Douro Vinhateiro.

Publicado

em

Lisboa, 09 mar (Lusa) — O jovem ‘designer’ de moda Filipe Augusto venceu hoje o concurso Sangue Novo, da 50.ª edição da ModaLisboa, que decorre até domingo, com uma coleção que homenageia o Douro Vinhateiro.

O nome do vencedor do prémio ModaLisboa do concurso Sangue Novo foi anunciado pela presidente da ModaLisboa, Eduarda Abbondanza, no final do desfile dos oito participantes do concurso destinado a finalistas de cursos superiores de Design de Moda de escolas nacionais e internacionais e jovens ‘designers’ em início de carreira, que decorreu no Pavilhão Carlos Lopes.

Filipe Augusto, de 25 anos, venceu o concurso com a coleção “Colheitas”, de roupa para homem, com a qual homenageia a zona onde nasceu e vive, o Douro.

Os manequins apareceram vestidos “como as pessoas que trabalham nas colheitas se vestem para ir trabalhar”. “É uma visão minha, porque não é assim que elas vão, claro”, contou à Lusa no final do desfile.

Na coleção há “peças impermeáveis ou em plástico como elemento de proteção”, porque “são pessoas que têm de estar prevenidas para o tempo, para a chuva neste caso”, por ser uma coleção de inverno.

Nas cores, o jovem ‘designer’ seguiu “o desenvolvimento de cor da vinha, do vermelho ao amarelo”.

Filipe Augusto irá receber um prémio no valor de cinco mil euros, atribuído pela ModaLisboa, um curso de verão na Domus Academy ou na Nuova Accademia de Belle Arti, ambas em Milão, Itália, e tem entrada direta no Sangue Novo da 51.ª edição da ModaLisboa, que decorre em outubro.

O júri decidiu ainda atribuir duas menções honrosas, a Rita Sá e Federico Protto, que têm assim participação garantida na próxima edição do concurso, em outubro.

Filipe Augusto trocou o Peso da Régua pelo Porto para estudar Design de Moda. No final do curso, que terminou em 2016, realizou um estágio de seis meses com o ‘designer’ de moda Luís Buchinho, mas a vontade de apostar em algo seu levou-o o concorrer ao Sangue Novo na edição passada da ModaLisboa, tendo sido distinguido com uma menção honrosa e vencido o prémio Fashion Clash, que o levará a apresentar a coleção em junho deste ano em Maastricht, na Holanda.

Nesta edição, o prémio Fashion Clash, anunciado e escolhido pelo diretor daquele festival holandês de moda, Branko Popovic, foi para Rita Sá.

A jovem ‘designer’ junta-se assim a Filipe Augusto a representar Portugal em Maastricht, em junho, na próxima edição do festival holandês.

Inês Nunes do Valle venceu o prémio The Feeting Room, cujo vencedor foi escolhido e anunciado pelos representantes da marca Edgar Ferreira e Guilherme Oliveira. A coleção que a jovem ‘designer’ de moda apresentou hoje na ModaLisboa será produzida e vendida nas lojas de Lisboa e do Porto daquela marca.

Nesta edição do concurso Sangue Novo participaram ainda Federico Cina, Opiar, N’a Pas de Quoi e Isidro Paiva.

A 50.ª edição da ModaLisboa, na qual são apresentadas coleções para o próximo inverno, decorre até domingo, com os desfiles a dividirem-se entre o Pavilhão Carlos Lopes e a Estufa Fria, ambos no Parque Eduardo VII.

JRS // MAG

Lusa/fim

COMENTÁRIOS

Recomendamos




Recomendamos




TRENDING