Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Exclusivo: Pedro Alves explica origem da sua marca: “É o concretizar de um sonho…”

PUBLICIDADE

Em conversa exclusiva com a Hiper FM, Pedro Alves falou sobre o seu mais recente projeto, a marca ‘BIGAP’, e revelou-se orgulhoso pelo resultado…

Publicado

em

Todas as fotografias foram cedidas em exclusivo por Pedro Alves

Foi no passado sábado que Pedro Alves lançou a sua marca de vestuário ‘BIGAP‘ em parceria com a LPoint. A sessão decorreu no Campera Outlet Shopping, no Carregado, com a inauguração do primeiro corner point numa loja e que contou com a presença de vários amigos do ex-concorrente do Big Brother 2020.

PUBLICIDADE

À margem do lançamento do seu mais recente projeto, conversámos com Pedro Alves, que nos explicou a origem da marca, da qual é CEO, e revelou mais detalhes sobre a primeira coleção, ainda que mais estejam por vir.

Não consigo explicar o conjunto de emoções, até me arrepia ao falar nisto“, começa por confidenciar o nortenho, que se assume orgulhoso do novo passo que acaba de dar: “É o concretizar de um sonho“, considera.

Produzido em Portugal e à base da sustentabilidade, num processo de acompanhamento em proximidade em todas as fases, a ideia da BIGAP surgiu em pleno confinamento, aliada à vontade de Pedro em produzir uma marca de roupa: “Sempre sonhei ter e produzir uma marca de roupa e, ao trabalhar para outras marcas, acho que qualquer pessoa que esteja na área da moda quando está a fotografar olha para a peça e diz ‘se fosse eu fazia isto diferente’. E eu sempre olhava para a etiqueta e dizia ‘isto era tão bom se tivesse aqui o meu nome ou algo carimbado por mim’“, explica.

Pedro viu na BIGAP a oportunidade perfeita de se agarrar ao objetivo com o qual tanto sonhou: “Não sabíamos bem o rumo do amanhã, estávamos numa confusão grande e penso ‘se calhar é a oportunidade da minha vida que eu sempre quis’“.

PUBLICIDADE

Foi neste contexto que surgiu, inicialmente, a ALPE Collection, que sofreu um rebranding para dar lugar à BIGAP: “Começámos com as vendas online, fazemos o rebranding da marca porque achámos que podíamos fazer alguma coisa melhor com melhor produto, melhor qualidade e até com um segmento e um posicionamento diferente. E aí quando arriscamos, arriscamos tudo e vamos com a BIGAP para a frente“.

A oportunidade foi tremenda: “Estamos a falar em posicionar-me ao lado de grandes marcas e marcas muito conceituadas. Isto já é mesmo a sério, é algo que faz valer a pena, não quero ser mais um, quero mesmo que as pessoas comprem não só por ser o Pedro, quero essencialmente que a marca vá subindo por ela, pela qualidade que tem“, refere.

Pedro assume-se também “sortudo” pelo caminho que tem traçado, principalmente pela equipa que o rodeia: “Tenho as melhores pessoas comigo! A coisa mais incrível é que tenho pessoas na minha fábrica a pedirem-me para tirar fotos comigo e a dizer que eram minhas fãs e, neste momento, eu lhes digo ‘não és meu fã, és meu amigo’ porque me está a ajudar, sei o esforço que essas pessoas fizeram. Tenho tido muita sorte nisto e tem sido muito gratificante as pessoas que se estão a aliar neste projeto, tem sido fenomenal“.

Uma coleção “autêntica”

PUBLICIDADE

Autenticidade é a palavra que Pedro Alves utiliza para descrever a primeira coleção que já se encontra disponível e que é composta por t-shirts, pólos, hoodies e vestidos. Em todas as peças está também a “identidade” e o “gosto” do nortenho: “Está aqui a minha dedicação, o meu suor, o meu sacrifício“.

Gosto muito de coisas bastante clean e depois também há peças em que gosto de arrojar e então é um bocadinho ao meu gosto. Se calhar não estou a fazer a marca para um nicho maior, mas ao mesmo tempo estou a produzir e a fazê-lo ao meu gosto“, descreve.

A BIGAP surge fruto da parceria com a LPoint:, a quem Pedro Alves deixou uma mensagem especial “não só aos proprietários, porque são uns queridos e temos uma relação excecional, mas bem como a todo o resto da equipa que já conheci e que são excecionais, mesmo espetaculares, ajudam-me e cooperam bastante comigo“.

Sobre a coleção, o nortenho pretende transmitir a noção de “confiança” e “conforto” e de uma “versatilidade” que considera importante: “O meu ténis posso calçar num fato e, ao mesmo tempo, num fato de treino. O meu hoodie tanto o uso num conjunto de fato de treino como meto um sobretudo por cima; os vestidos tenho um clássico e outro mais arrojado, tento ter ambos e acho que é muito importante nos dias de hoje ter esta versatilidade“, remata.

Escrevo sobre tudo e em qualquer circunstância. Movo-me pela vontade de contar histórias e adoro escrever sobre a televisão, os reality shows e os famosos, entre muitas outras coisas...

COMENTÁRIOS

TRENDING