Segue-nos

Mundo

Escola cria a “mesa da partilha” para acabar com a fome entre os estudantes, e não só

Publicado

em

Por

Algumas escolas nos Estados Unidos arranjaram uma forma criativa de fazer com os miúdos comam: criaram a “mesa da partilha”.

Qualquer pai sabe que a hora da refeição pode ser um martírio. Por mais criativos que sejamos, os miúdos podem ser teimosos e, simplesmente, insistirem em não comer quando a refeição vem para a mesa! E quando se fala em vegetais, pior fica o cenário…

E o que mais nos parte o coração, às vezes, é percebermos na quantidade de comida fabulosa que acaba no lixo…

Felizmente, muitas das escolas nos Estados Unidos, tiveram a ideia brilhante de permitirem que os alunos escolham o que querem comer, ao mesmo tempo que ajudam outras crianças do mundo que passam fome… Ou seja, mediante aquilo que lhes é dado pela escola ao almoço, podem colocar na mesa partilhada o que não querem. Brilhante, não?

A ideia consiste, então, numa mesa que as próprias escolas montam, onde as crianças deixam embalagens de produtos que não gostam ,ou que não querem – como sumos e fruta, por exemplo – para que outras crianças da própria escola, e que não tenham possibilidades, possam delas desfrutar.

No final do dia, o que sobrar é enviado para os países carenciados, através de organizações não-governamentais e bancos alimentares.

Até agora, Florida parece ser o Estado que lidera a iniciativa, com 20 escolas a participarem, na região de Orange County, segunda conta o Orange Sentinel (http://www.orlandosentinel.com/features/education/school-zone/os-school-lunches-share-table-donations-waste-20171108-story.html). Uma dessas escolas é a Aloma Elementary School, que doa as sobras do dia a uma igreja, a Redeemer Lutheran Church.

“Com este programa conseguimos uma ajuda fantástica. Esta é uma medida brilhante, porque, caso contrário, a comida iria para o lixo”, referiu o Pastor Stan Reinemund, em declarações ao Orlando Sentinel.

Nos Estados Unidos, quando as crianças vão para a fila de almoço, é-lhes colocada uma dose específica de comida que, muitas vezes, é demasiada para elas, acabando por ir para o lixo. Por lei, a comida que é servida não pode ser servida de novo. Com esta medida, evita-se que vá parar, então, ao lixo.

A iniciativa tem tido um feedback bastante positivo junto dos pais, dos professores e todos os membros da escola.

“Esta medida é simplesmente fantástica porque poder ajudar outros alunos, ou servir a comunidade”, refere Linda Kolbert, membro do conselho escolar.

Uma iniciativa fantástica que podia ser adotada em Portugal! Partilha com os teus amigos e, quiçá, um dia será!

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

COMENTÁRIOS

TRENDING