Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Emoção! Lourenço Ortigão recorda morte de Filipe Duarte: “Queria ser como ele… Era o meu maior confidente…”

PUBLICIDADE

O ator recordou o momento em que soube (pelo seu pai) que o “Pipo” tinha morrido…

Publicado

em

Por

Reproduções/Redes sociais

Lourenço Ortigão foi o convidado de Daniel Oliveira para o “Alta Definição” deste sábado, 9 de outubro, onde o ator acabou por falar do seu percurso de vida, da família e dos amigos, em especial de Filipe Duarte, que morreu em abril de 2020, na sequência de um enfarte.

PUBLICIDADE

O ator lembrou o amigo, que considerava um exemplo a seguir e que o ajudou (em muito) na sua carreira, recorda: “Lembro-me dele todos os dias”, começou por confessar.

Lourenço Ortigão lembrou depois o dia fatídico em que soube da morte do amigo pelo seu pai, que estava a realizar uma obra em casa do ator: “O meu pai ligou-me de manhã porque o jardineiro tinha ido lá, e a Núria [companheira de Filipe Duarte] tinha dito que não podiam entrar, porque o Pipo tinha morrido”, começa por explicar.

“E de facto tinha acontecido isso ao Pipo… Fez parte da minha vida, de uma forma mais intima do que as pessoas pensam… Passávamos muitos momentos juntos, e era a par do meu irmão, o meu maior confidente”, revelou.

Eu queria ser como ele… Dava valor à forma como ele geria a carreira dele, como era bom profissional, bom colega, bom ser humano, bom amigo, bom marido. Sugava tudo dele…. Quando entro num projeto novo penso sempre nele”, revelou ainda Lourenço Ortigão.

PUBLICIDADE

COMENTÁRIOS

TRENDING