Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Emoção! José Cid revela que perdeu a irmã há um mês: “Ela não acreditava no Covid…”

PUBLICIDADE

José Cid esteve no programa “Dois às 10” e falou pela primeira vez da morte da irmã, há cerca de um mês…

Publicado

em

Dois às 10/Instagram

Esta segunda-feira, 19 de abril, foi para o ar mais um “Dois às 10”, conduzido por Maria Botelho Moniz e Cláudio Ramos, na TVI.

PUBLICIDADE

Um dos convidados do programa matutino foi José Cid, que recordou o seu percurso na música. A dada altura, na conversa, o músico acabou por revelar que perdeu recentemente a irmã, Maria de São João:

“A minha mãe não gostava que eu cantasse mas gostava a minha irmã, que morreu há um mês, a minha querida mana, que morreu há um mês (…)”, começou por dizer.

“Ela não morreu com Covid, ela conseguiu sair do Covid porque era rija, era Ribatejana, mas depois as sequelas foram muito grandes porque ela fumava, passei a vida toda a dizer “não engula o fumo” e ela continuava a fumar”, acrescentou depois.

José Cid considerou que foi a irmã, dez anos mais velha, que sempre acreditou em si e no seu talento, destacando que as saudades são já muitas:

PUBLICIDADE

“Foi uma pessoa que sempre me defendeu dos meus pais e que sempre apostou na minha poesia, nas minhas canções, sempre esteve ao meu lado (…) era a minha mana/mãe e ela foi apanhada pelo Covid (…) ela não acreditava no Covid (…) ‘isso são coisas que dizem na televisão’ dizia ela”, recordou.

No final, o intérprete de “Como o macaco gosta de banana” deixou ainda rasgados elogios à irmã/mãe:

“A verdade é que ela merecia estar viva (…) tenho muitas muitas saudades, apoiou-me toda a vida de uma forma incrível (…) era uma mulher extraordinária”.

PUBLICIDADE

Veja aqui.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Dois às 10 (@doisas10tvi)

Adoro rádio, televisão, música e sobretudo notícias... Todos os dias trago-te os destaques da vida dos famosos...

COMENTÁRIOS

TRENDING