Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Diogo Valsassina recorda morte de Francisco Adam: “Perdê-lo foi uma facada terrível”

Em conversa com Maria Botelho Moniz, Diogo Valsassina recordou a morte de Francisco Adam.

Publicado

em

Diogo Valsassina recorda morte de Francisco Adam: “Perdê-lo foi uma facada terrível”
Reprodução TVI

Maria Botelho Moniz está a apresentar o “Goucha” na ausência do rosto titular, Manuel Luís Goucha, que se encontra de férias. Na emissão desta segunda-feira, 10 de junho, a apresentadora recebeu Diogo Valsassina, para a entrevista que marca o seu regresso à TVI, onde fará parte da próxima novela.

O ator recordou o seu percurso na série “Morangos com Açúcar” e o impacto da morte de Francisco Adam: “Ele era uma pessoa muito especial, eu era muito amigo dele e gostava muito dele”.

“Tenho uma pena terrível, porque tenho a certeza de que ele seria um grande ator. Penso nisso muitas vezes. Acho que ele mandaria nisto tudo, ele tinha algo especial que tu não consegues identificar bem o que é”, acrescentou.

Maria Botelho Moniz quis saber como é que o grupo de atores dos “Morangos com Açúcar” se reergueu depois da morte do colega. Diogo Valsassina respondeu: “Foi muito complicado. A notícia foi um choque. Tinha falado com ele na noite anterior, éramos para ter estado juntos. Estava sozinho e fomos o suporte uns dos outros. Todos gostavam do Francisco”.

O ator acrescentou: “Perdê-lo foi uma facada terrível, foi arrancarem um bocado de nós. Apoiámo-nos uns aos outros e foi importante a presença de pessoas mais velhas, como a Inês Castel-Branco e o Paulo Rocha. Eles lidaram de forma mais adulta”.

“Vou ser muito honesto, quando o Francisco Adam morreu, os ‘Morangos’ para mim acabaram. Queria sair”, terminou Diogo Valsassina, recordando o alívio que sentiu quando acabou as gravações.

Francisco Adam morreu aos 22 anos, vítima de um acidente de viação. A sua personagem nos “Morangos com Açúcar”, ‘Dino’, desapareceu num balão, cena que ficou marcada na memória de toda uma geração.

Veja o vídeo.

TRENDING