Segue-nos

Famosos

Depois da polémica, Catarina Furtado afirma: “Nunca fui adepta de rótulos na minha carreira. Sou o que sou”

Depois da polémica acerca do seu inglês, a apresentadora fala agora acerca da carreira e mostra-se confiante na sua carreira…

Publicado

em

Catarina Furtado/Instagram

Muitas foram as polémicas em volta do Festival da Eurovisão da Canção.

Catarina Furtado, umas das 4 apresentadoras do concurso, foi uma das figuras que deu aso a polémicas sobretudo por causa do seu inglês.

Bastante criticada, a apresentadora da RTP publicou agora, na sua página de Instagram, um texto onde parece referir-se à situação:

“Sou uma mulher de muitas facetas e sonhos. Nunca fui adepta de rótulos na minha carreira. Sou o que sou”, começa por dizer.

Realçando toda uma parte da sua carreira, Catarina refere que trabalhou para vários órgãos de comunicação social e que já há 27 anos que trabalha na área da apresentação:

“Fui desafiada a testar os meus “dotes” enquanto apresentadora de televisão (e já lá vão 27 anos!). Fiz parte da equipa envolvida no lançamento do primeiro canal de televisão independente, SIC, e desde então nunca mais parei de trabalhar no meio”, afirma.

Sem comentar ao pormenor o que foi a polémica em torno do seu inglês, a apresentadora revelou aos seus seguidores que em 1995 perseguiu um sonho: “(…) mudei-me para Londres para estudar representação…”.

No final do texto, Catarina mostrou-se muito agradecida pela oportunidade que teve em apresentar o concurso:

“Depois de tudo o que fiz até agora, ser vista por 200 milhões de pessoas na @eurovision tornou-se uma experiência inesquecível para mim. Estou muito grata! ❤❤❤”.

Sou uma mulher de muitas facetas e sonhos. Nunca fui adepta de rótulos na minha carreira. Sou o que sou. Comecei a minha carreira como bailarina clássica e depois, contra todas as expectativas, fiz formação em jornalismo. Trabalhei para rádios, jornais e revistas. Fui desafiada a testar os meus “dotes” enquanto apresentadora de televisão (e já lá vão 27 anos!). Fiz parte da equipa envolvida no lançamento do primeiro canal de televisão independente, SIC, e desde então nunca mais parei de trabalhar no meio. Mas sempre persegui os meus desejos: em 1995 mudei-me para Londres para estudar representação. Abracei a carreira de actriz, no teatro, em cinema, em séries de tv, em dobragens (o mais recente filme vai estrear em Portugal a 26 de Julho, @linhasdesangue_oficial). Em 2000 fui convidada para ser Embaixadora de Boa Vontade do UNFPA, a agência das Nações Unidas para os direitos e saúde reprodutiva. Esta importante missão fez-me desenvolver a minha vertente de documentarista com “Príncipes do Nada”, que vai na sua 4ª temporada na rtp, e que retrata o nobre trabalho de voluntários e de ONGs em países em desenvolvimento e, infelizmente, a intolerável situação que muitas mulheres e meninas vivem ainda hoje, tendo os seus direitos violados. Esta experiência que tenho vivido junto do @unfpa levou-me também, em 2012, a fundar a @coracoescomcoroa, que tem por objectivo promover uma cultura de solidariedade, não violência e não discriminação, de igualdade de oportunidades e de género e de inclusão social. Depois de tudo o que fiz até agora, ser vista por 200 milhões de pessoas na @eurovision tornou-se uma experiência inesquecível para mim. Estou muito grata! ❤❤❤ {english version 👉 comment section} #eurovision #eurovision2018 #esc #eurobabes #allaboard

Uma publicação partilhada por Catarina Furtado (@catarinafurtadooficial) a

Também, num post anterior, Catarina agradeceu às colegas:

“Obrigada Daniela, Filomena e Sílvia: o que vivemos neste tempo de preparação, e nesta semana em particular, é impossível de colocar em palavras. Espero que a partir de agora todas as dúvidas terminem: de facto as mulheres podem trabalhar em harmonia!”.

Sem nunca esquecer quem esteve presente na organização do evento, a apresentadora também decidiu mencionar o trabalho de toda a equipa que as acompanhou:

“«Quando as mulheres se juntam, coisas incríveis acontecem». Eu sempre soube disso. Mas não podemos esquecer, nem por um minuto, a maravilhosa equipa da @rtppt ! Por favor: venha de lá esse carinho à nossa SUPER EQUIPA que esteve atrás das câmaras e que foi essencial para que tudo tenha corrido tão bem! OBRIGADA!”.

Unforgettable! ❤ Thank you girls @danielaruah @filomenacautela @silviaalberto.oficial: what we lived together, specially last week, simply cannot be put into words. No words can do justice to ALL that we just experienced. I just hope you all feel the love and hard work that we, the four of us, had put into our work! Four different women sharing this unbelievable experience and standing for each other so that each and every one of us could give our best! “When women come together, amazing things happen!” I always knew this! 😍 And please give it up for our SUPER TEAM behind the scenes! Incredible RTP team! Thanks to you everything went smoothly! THANK YOU! 📺🎥💥 And remember: #AllAboard for human rights, without leaving anyone behind! 🌍 📷Hugo Amaral @eurovision @rtppt #eurovision #eurovision2018 #esc #eurobabes #unfpa @unfpa ••• Inesquecível! Obrigada Daniela, Filomena e Sílvia: o que vivemos neste tempo de preparação, e nesta semana em particular, é impossível de colocar em palavras. Espero que a partir de agora todas as dúvidas terminem: de facto as mulheres podem trabalhar em harmonia! “Quando as mulheres se juntam, coisas incríveis acontecem”. Eu sempre soube disso. Mas não podemos esquecer, nem por um minuto, a maravilhosa equipa da @rtppt ! Por favor: venha de lá esse carinho à nossa SUPER EQUIPA que esteve atrás das câmaras e que foi essencial para que tudo tenha corrido tão bem! OBRIGADA! E há que lembrar sempre: #AllAboard a favor dos direitos humanos e sem deixar ninguém para trás!!

Uma publicação partilhada por Catarina Furtado (@catarinafurtadooficial) a

Tenho 21 anos e sou formada em Comunicação. Apaixonada pelos media, acabei o curso e comecei a escrever aqui logo de seguida... Adoro rádio, televisão, música e sobretudo notícias... Todos os dias trago-te os destaques da vida dos famosos...

TRENDING