Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Demi Lovato “estável” após internamento por aparente overdose de heroína

PUBLICIDADE

No Twitter, a hashtag #PrayForDemi rapidamente alcançou o topo dos assuntos mais comentados do momento.

Publicado

em

Por

A notícia do internamento de urgência de Demi Lovato por causa de uma aparente overdose de heroína, como avançou o TMZ, deixou o mundo da música abalado nesta terça-feira.

PUBLICIDADE

Nas redes sociais, muitos artistas e amigos da cantora começaram a solidarizar-se com Demi Lovato, e a enviar mensagens de apoio para a cantora.

No Twitter, a hashtag #PrayForDemi rapidamente alcançou o topo dos assuntos mais comentados do momento.

A revista People avança que o estado de saúde da cantora é considerado “estável”, revelou uma fonte próxima.

PUBLICIDADE

Um representante do Corpo de Bombeiros de Los Angeles disse à PEOPLE que “transportou uma paciente de 25 anos para um hospital local”, enquanto o Departamento de Polícia de Los Angeles confirma que ambos os departamentos “responderam a uma emergência médica no bloco 8000 da Laurel View Drive, às 11:40 da manhã (hora local).

O áudio da chamada de emergência, obtida entretanto pelo TMZ revela que a estrela pop estava inconsciente quando chegou ao hospital, e foi e reanimada com Narcan – um medicamento de emergência para reverter os efeitos de uma overdose de narcóticos.

PUBLICIDADE

O TMZ relata que a overdose é relacionada heroína. Uma fonte próxima a Demi Lovato revelou à revista PEOPLE que não é.

Lovato lutou contra o vício, doença mental e desordem alimentar durante vários anos. Em 2011 entrou em tratamentos relacionados com transtorno bipolar, bulimia, auto-mutilação e dependência tóxica. Demi Lovato teve uma recaida depois de ter deixado o centro de tratamentos.

Em março passado revelou que celebrou seis anos sóbria, mas em junho lançou uma nova música, “Sober”, na qual revelou que tinha tido nova recaída.

Desde 2005 que te conto, todos os dias, as histórias mais frescas sobre música, famosos e redes sociais... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para analeao@hiper.fm

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

COMENTÁRIOS

TRENDING