Segue-nos

Famosos

Cristina Ferreira recorda infância de trabalho na feira: “Custava muito, era muito difícil…”

Cristina Ferreira começou a trabalhar aos 15 anos, a vender farinha para as vacas…

Publicado

em

Por

Cristina Ferreira recorda infância de trabalho na feira: “Custava muito, era muito difícil…”
Reproduções | Instagram

Nesta terça-feira, dia 27 de fevereiro, Cristina Ferreira e Cláudio Ramos conduziram uma emissão do “Dois às 10”, dedicada aos chamados “faz tudo”.

Logo na abertura do programa, a apresentadora da TVI recordou a sua infância, marcada por muito trabalho, que começou aos 15 anos.

“Foi um trabalho sazonal, de férias. Fui vender farinha para as vacas, a minha prima ida de férias e não tinha ninguém que a substituísse e lá tive eu. A passar faturas e tudo com 15 anos, achei-me tão importante” – começou por contar.

Depois do primeiro emprego, Cristina Ferreira passou pela feira: “Eu tive na feira com a minha tia, fiz todas. Da Malveira, Lourinhã, Bucelas… era muito difícil. Às 4 da manhã montar a barraca só eu é que sei. Mas o meu tio era meu amigo e era ele normalmente que montava. Davam-me o resto, ainda hoje vou almoçar todos os domingos à casa da minha tia, ainda me está a pagar”.

“Tive no restaurante da minha mãe, da feira do gado. Custava muito porque era às 3 da manhã que entravamos, com um frio de rachar sempre, a vender sandes de carne cozida com Sumol de laranja. Às 5 da manhã já estava a gente a comer bifanas, era tão bom” – revelou ainda.

Antes de chegar à televisão, Cristina Ferreira ainda vendeu sapatos numa loja “conceituada” e foi professora, como já mencionou diversas vezes.

TRENDING