Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Confinado, Cláudio Ramos deixa mensagem aos fãs: “O maior inimigo da democracia é a abstenção”

PUBLICIDADE

Cláudio Ramos apela à importância de ir votar…

Publicado

em

Por

Cláudio Ramos/Instagram

Os portugueses estão em confinamento novamente, e quem não tem de trabalhar ou um motivo de força maior para sair, deve ficar em casa.

PUBLICIDADE

Cláudio Ramos está em confinamento e aproveitou para refletir, deixando depois uma importante mensagem aos fãs sobre a importância do voto “consciente”, uma vez que amanhã, 24 de janeiro, é dia de votar para as eleições presidenciais.

“Do verbo confinar e refletir. Sábado em casa. Todos! É onde todos, os que não temos de forma imprescindível que sair, devemos ficar para que nos possamos proteger uns aos outros. E vencer esta luta desigual o mais depressa possível”, começou por dizer.

“Aproveitem para refletir. O voto foi uma das nossas maiores conquistas. Amanhã é importante votar. Votar é sempre importante, mas a democracia, a liberdade, a capacidade de ir e vir, dizer e fazer, não pode nunca ser posta em causa. Cabe a todos nós fazer perceber isso a quem não o entende ou mete tudo isto em risco. Vamos votar! Em total consciência que um voto faz a diferença”, continuou.

“Sei que estas são uma eleições atípicas – também acho que deviam ter sido adiadas – que naturalmente vamos demorar mais tempo a votar, que vamos enfrentar filas, mas vamos ter cuidado e paciência. Vamos fazê-lo todos em segurança. Já que não foram adiadas, é importante e fundamental que se vá votar… pela segurança de todos. Pelo futuro que ansiamos!”, acrescentou ainda.

PUBLICIDADE

“O maior inimigo da democracia é a abstenção. Estamos a ser postos à prova. Mas não vamos deitar por terra a liberdade que conseguimos e o direito que conquistaram para nós. Vamos honrar a democracia”, concluiu.

COMENTÁRIOS

TRENDING