Segue-nos

Famosos

Cláudio Ramos: “Se a Joana não tivesse feito os comentários, a Júlia Palha não estava na capa desta revista”

“Graças ao Passadeira Vermelha e aos comentários da Joana, a Júlia hoje está seguramente nas pessoas mais cotadas e mais faladas. E se for pedida uma presença da Júlia hoje, uma comissão devia ser dada à Joana Latino e ao Passadeira Vermelha.”

Publicado

em

Cláudio Ramos voltou a trazer ao Passadeira Vermelha a polémica que envolveu Joana Latino e a actriz Júlia Palha, e não foi, mais uma vez, para defender a actriz.

Em causa está a revista  da Women´s  Health que tem na capa do mês de Dezembro Júlia Palha.

O apresentador, que já tinha saído em defesa de Joana Latino, acusando muitas figuras publicas que defenderam a actriz de hipocrisia e aproveitamento para aparecerem, volta ao tema mais uma vez para acusar todos os que apontaram o dedo ao programa e à jornalista:

“Gostava que as pessoas percebessem hoje, aquelas que ficaram tão atiçadas na internet, tão enervadas tão irritadas com os comentários  que foram feitos aqui , é que percebessem que se a Joana não tivesse feito aqueles comentários, a Júlia não estava aqui nesta revista.” 

O apresentador da SIC vai mais longe e afirma que, ” Se não tivesse acontecido no passadeira vermelha o que aconteceu, metade das pessoas em Portugal não sabia quem era a Júlia Palha.”

Sem receio algum do que poderá ser dito sobre a sua opinião relativamente a este assunto, Cláudio não poupou nas palavras e acusa ainda Júlia de também ela se estar a aproveitar de toda a polémica, sugerindo que, afinal, não ficou assim tão ofendida com o que Joana disse argumentando que, se realmente tivesse ficado ofendida com as palavras de Joana Latino, não tinha aceite fazer a capa.

“Se a Júlia Palha estivesse tão indignada, com o que aqui aconteceu, sinceramente, eu se me chamasse Júlia Palha, quando o director da revista me chama para fazer esta capa da revista eu dizia, ‘não.. eu não vou usar o meu corpo como objecto para vender uma revista, e não vou fazer uma capa de uma revista em cima de umas declarações que foram feitas que eu reneguei ostensivamente”.

Cláudio esclarece ainda, aproveitando e defendendo não só Joana Latino mas toda a equipa do Passadeira Vermelha, que o programa muitas vezes é o pontapé de saída para o estrelato de muitas figuras publicas da nossa praça como foi o caso de Júlia Palha:

“Só queria que agora percebessem que isto é um circulo, e que quando nós falamos aqui só vos estamos a beneficiar,. Neste caso a revista, que teve esta ideia, mas muitíssimo a Júlia Palha,  porque sem nós o valor de mercado da Júlia era 25% daquilo que é hoje”

O apresentador garante ainda que foi graças aos comentários de Latino e a toda a polémica que se desenrolou, que hoje a actriz é uma figura muito mais conhecida e muito mais solicitada, sendo ainda sarcástico e sugerindo que o programa e Joana deveriam receber uma comissão por cada convite que a actriz passou a receber para fazer presenças em eventos.

“Graças ao passadeira vermelha e aos comentários da Joana, a Júlia Palha, hoje, está seguramente nas pessoas mais cotadas e mais faladas. E se for pedida uma presença da Julia Palha  hoje, uma comissão devia ser dada à Joana Latino e ao Passadeira Vermelha. Graças a nós a Júlia Palha, hoje, tem um nome no mercado mediático, não tinha. Já existia, mas não tinha.”

Em defesa de toda a equipa, Cláudio faz ainda questão ainda de afirmar que no programa, nada é feito, ou foi feito com maldade: “Queria que todos percebesse que é um ciclo, as coisas não são feitas por maldade, porque se nós tivéssemos feito aquilo por maldade a revista está a aproveitar e a Júlia está  a aproveitar daquilo que foi feito por maldade.”

Recorde-se que foi  há poucas semanas atrás,que a polémica estalou quando a  jornalista da SIC, enquanto comentadora no programa da SIC CARAS disse palavras sobre o vestido e sobre o corpo da actriz que não caíram bem na opinião pública e muito menos a Júlia Palha:

“Júlia Palha, tenho de falar contigo amor. (…) Eu também adoraria pôr-me nesse vestido, mas iriam chegar primeiro as minhas maminhas e depois eu. Foi exatamente o que aconteceu contigo. Chegaram as maminhas e a gente já não viu mais nada do teu look, só se vê maminhas (…) é que depois faz aí um brilho estranho em cima da prateleira digamos assim, uma pessoa fica com vontade de ir aí pousar as chaves, o telemóvel, a garrafa de cerveja, tudo e mais alguma coisa.”, disse Joana Latino.

A actriz rapidamente reagiu aos comentários nas suas redes sociais acusando o programa e especialmente Joana Latino pelo comentário que considerou sexista :

“Por isso que mundo é este em que sou acusada de não poder usar um vestido porque tenho “demasiado peito”? Em que uma mulher fala do corpo de outra de forma sexista, referindo-se ao meu peito como uma “prateleira” onde “tem vontade de posar as chaves e a cerveja”? (…) Vamos amar. Vamos admirar. Vamos elogiar, ou se não tivermos nada de bom para dizer, vamos pelo menos ficar calados” porque “um corpo é um corpo” e “nada dele está errado enquanto não puser em risco a sua saúde” , confere abaixo o texto na íntegra.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Como não consegui publicar o texto todo fica aqui assim 🖤

Uma publicação partilhada por Júlia Van Zeller (@juliapalha) a

Desde 2005 que te conto, todos os dias, as histórias mais frescas sobre música, famosos e redes sociais... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

TRENDING