Segue-nos
PUBLICIDADE

Televisão

Cláudio Ramos faz homenagem a Nuno Santos, e revela conversa que lhe mudou a vida: “Nada é por acaso…”

PUBLICIDADE

Grato, Cláudio Ramos detalhou a conversa que viria a mudar a sua vida…

Publicado

em

Por

Claudio Ramos | Instagram

Cláudio Ramos abriu as portas de casa (e do coração) para uma conversa franca e emotiva com Cristina Ferreira, no “Conta-me” que foi para o ar ao início da tarde deste primeiro dia do novo ano.

PUBLICIDADE

O apresentador falou da vida pessoal e do percurso profissional, acabando por “esclarecer” alguns pontos da mudança da SIC para a TVI, explicando depois como foi feito o convite para abraçar o seu projecto de sonho (o Big Brother) e posteriormente a condução das manhãs da TVI já na “era” Cristina Ferreira.

No entanto, após a transmissão da entrevista, Cláudio Ramos recorreu ao Instagram para fazer uma homenagem a quem lhe abriu a porta do sonho de apresentar o “Big Brother 2020”, e detalhou como foi feito o convite, na altura em que era o “Vizinho” de Cristina Ferreira na SIC:

“Faz um ano, que neste cadeirão azul na minha sala se sentou o Nuno Santos que já tinha sido meu director na SIC e tinha acabado de assumir a direção de programas da TVI. Chegou com a proposta mais arriscada de toda a minha vida profissional até ali. Queria que eu fosse o apresentador do BB 2020. Eu estava, finalmente, muito feliz na SIC e de repente tinha o Nuno a desafiar-me para dar o salto. Um salto do tamanho do futuro”, começa por revelar Cláudio Ramos revelando depois como correu a conversa.

“Foi uma conversa calma, serena, prática e objectiva. O Nuno foi claro ‘sei que és capaz e eu quero muito!’. Eu sempre tive certezas absolutas do que queria e eu queria isto. Pela primeira vez um director convidava-me a mudar de escalão depositando total confiança em mim correndo todos os riscos”, confessa ainda.

PUBLICIDADE

“Decidi ali, aceitando esses riscos e escondendo o medo, que a minha vida profissional mudaria para sempre desafiado pelo Nuno. Comecei naquela noite outro caminho… o resto já todos sabem. Já contei. Já é público e quero que saibam que tem sido um caminho feliz. É Justo que diga publicamente que foi o Nuno a abrir a porta deste novo caminho há exactamente um ano”, declarou ainda Cláudio Ramos relatando depois um episódio curioso que aconteceu antes da conversa decisiva na sua vida:

“Na minha rua raramente há lugar para estacionar o carro. Disse ao Nuno para vir de táxi. Ele veio no seu carro, e tinha um lugar vago à porta. Vivo aqui há anos, nunca tive lugar vago à porta. Nada é por acaso para quem, como Eu, acredita nestas coisas. Estamos agora todos juntos numa televisão feliz”, concluiu o apresentador das manhãs da TVI que estreia já na próxima segunda-feira o “Dois às 10” com Maria Botelho Moniz.

Ora veja:

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Claudio Ramos (@claudio_ramos)

PUBLICIDADE

COMENTÁRIOS

TRENDING