Segue-nos

Famosos

Cinha Jardim faz confissão em direto: “Já fiz perseguições, no meu tempo fazia o meu trabalho…”

Cinha Jardim revelou no ‘Dois às 10’ alguns estratagemas que utilizou no passado para descobrir traições de que suspeitava: “E apanhei”, afirmou…

Publicado

em

Cinha Jardim faz confissão em direto: “Já fiz perseguições, no meu tempo fazia o meu trabalho…”
TVI/Instagram

Esta quarta-feira, dia 6 de julho, Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz receberam Gonçalo Quinaz, Cinha Jardim e Luísa Castel-Branco para a tertúlia de comentário a várias notícias que têm marcado os últimos dias na rubrica ‘Conversas de Verão’.

Uma das notícias analisada pelo painel foi a acusação de violência doméstica a Ricky Martin, que já reagiu à denúncia e à providência cautelar que impede o cantor de se aproximar do ex-namorado.

Ao comentar a notícia, Cinha Jardim acabou por fazer uma confissão relacionada com a descoberta de algumas traições de que suspeitava: “Eu já fui de rondar muita casa. Já fui, já. Eu não morria nada de vergonha“, começou por dizer.

A comentadora revelou que não se escondia por detrás de “arbustos” e detalhou alguns estratagemas que utilizou no passado: “Já fiz perseguições, não era preciso [detetives], no meu tempo eu fazia o meu trabalho. Se fosse agora, era claro um detetive para cima“.

A partilha apanhou o painel e os apresentadores de surpresa e Cinha Jardim foi mais longe ao garantir que chegou a “apanhar” a dita traição em flagrante: “Não direi que fui muito calma e civilizada. Não vale a pena estar agora a contar, se fosse agora talvez tivesse uma maneira mais calma e conversasse a três“.

Licenciado em Comunicação e Media e Mestre em Jornalismo e Comunicação, escrevo sobre televisão, reality shows, famosos e entretenimento...

COMENTÁRIOS

TRENDING