Segue-nos

Viral

Casal gay adota bebé com HIV que foi rejeitada por 10 famílias

PUBLICIDADE

Agora em pleno ano de 2019 e com 5 anos de idade, Olívia está livre de qualquer sinal do vírus…

Publicado

em

Por

Casal gay adota bebé com HIV que foi rejeitada por 10 famílias

A história que se segue é a de um casal que tomou a decisão de adoptar uma bebé, que na sua curta vida já tinha sido rejeitada por 10 casais, por ser portadora do vírus HIV.

PUBLICIDADE

Damian Pighin de 42 anos e Ariel Vijarra de 39, foram o primeiro casal homossexual a casar na província Argentina de Santa Fé, local onde vivem e onde em 2011 tomaram a decisão de aumentar a sua família, adoptando uma criança.

PUBLICIDADE

No entanto, o casal teve de esperar 3 anos até receber uma chamada onde lhes seria dito que a pequena Olívia, nascida em 2014 e portadora de HIV, estaria para adopção e que não poderia ser colocada com outras famílias, o que lhes deu a esperança de adoptar.

Na altura, a pequena Olívia já tinha sido rejeitada por dez famílias devido ao seu diagnóstico mas, no entanto, o mesmo não impediu este casal de a receberem com muito amor e carinho na sua casa e nas suas vidas.

Casal gay adota bebé com HIV que foi rejeitada por 10 famílias

PUBLICIDADE

Agora em pleno ano de 2019 e com 5 anos de idade, Olívia está livre de qualquer sinal do vírus.

De acordo com o Unilad,o casal trabalha numa organização não-governamental que dá pelo nome de Acunar Familias, que ajuda casais a adoptar crianças indesejadas.

Ariel disse à comunicação social na altura da adopção: “Assim que a vi, senti que ela era parte da minha vida. A ligação foi imediata”.

PUBLICIDADE

Em 2015 a família voltou a crescer com a adopção de outra menina que dá pelo nome de Vitória.

Casal gay adota bebé com HIV que foi rejeitada por 10 famílias

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

COMENTÁRIOS

TRENDING

v