Segue-nos
PUBLICIDADE

Animais

Este cão polícia recebeu uma saudação emotiva, pela última vez, antes de ser abatido…

PUBLICIDADE

Publicado

em

Por

Hunter é um pastor e foi diagnosticado com cancro de fígado de tal forma agressivo que os veterinários sugeriram o seu abate, fazendo com que Michael D’Arresta, um polícia de Middletown, Connecticut, nos Estados Unidos, tivesse de tomar uma das decisões mais difíceis da sua vida! Hunter era o seu parceiro e começou a mostrar sinais de que estava doente. Porém, o agente de Connecticut não esperava este desfecho.

PUBLICIDADE

Quando Michael o levou ao veterinário para que pudessem verificar o que se passava com o seu parceiro, o choque foi imediato quando recebeu a notícia de que não havia nada que o pudesse salvar, tendo de ser abatido. Apesar dos veterinários sugerirem esse desfecho, teria sempre de ser Michael a tomar a decisão final…

Mas Michael não quis que Hunter fosse esquecido e, ainda em vida, quis homenageá-lo.

Antes de levar o seu parceiro ao veterinário pela última vez, a polícia de Middletown prestou uma derradeira homenagem a Hunter.

PUBLICIDADE

O departamento inteiro de polícia saudou o cão e agradeceu o seu serviço num momento emocionante que ficou registado e que foi, posteriormente, partilhado na página de Facebook do departamento de polícia de Middletown.

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

COMENTÁRIOS

TRENDING