Segue-nos

Animais

Cão abandonado, e atado, à porta de abrigo, roeu a própria pata para se libertar

Publicado

em

Buddy, um doce pastor alemão, foi amarrado à porta de um dos centros de cuidados para animais em Brooklyn, Nova Iorque, ao início da manhã de sábado, revelou o New York Daily News.

O cão foi encontrado sozinho, cheio de frio, e desesperado por encontrar calor e segurança.

O cachorro, de 1 ano, começou a roer sua perna ferida para se libertar de um arame com o qual estava amarrado ao poste, revelou o abrigo.

Foi assim que Buddy foi encontrado. A sangrar, sozinho e com necessidade de ajuda. Ele foi visto pelo agente de controle de animais Feraz Mohammed, que viu o cachorro enquanto estava a entrar para o trabalho às seis da manhã.

O cão estava amarrado ao poste na frente do abrigo”, disse Mohammed ao NY Daily News. “O cão era amigável e acessível, mas quando liguei para obter ajuda, vi o sangue no chão.”

Buddy foi depois levado para a cirurgia para tratar a sua lesão. Ele pode precisar de mais cirurgias no futuro, incluindo uma remoção completa da perna traseira afetada, mas agora ele está em segurança.

O cão foi recentemente transferido para um hospital animal, o BluePearl Veterinary Partners, para determinar qual é a melhor opção para lhe dar um futuro feliz e saudável.

“As pessoas trazem animais a toda a hora, mas raramente os deixam lá fora, especialmente aqueles que estão feridos”, disse Mohammed. “Espero que ele vá para uma boa casa agora, e que seja amado..

O Animal Care Centers of NYC espera que este incidente perturbador, seja um aviso para os proprietários de animais que, se eles precisam de entregar seus animais de estimação, por qualquer motivo, o centro os aceitará.

Não há necessidade de abandonar os animais de estimação desta maneira.

Apaixonado por rádio e redes sociais, trago-te todos os dias as histórias mais inspiradoras que encontro na web... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

Animais

Video: Jovem sem-abrigo em lágrimas ao reencontrar a sua cadela desaparecida

Publicado

em

Por

Um jovem sem-abrigo ficou em lágrimas depois de se reencontrar com a sua cadela, que estava desaparecida há uma semana.

Lee, 24 anos, que vive em Leeds, Inglaterra, estava numa busca desesperada por Crystal, que desapareceu no dia 15 de janeiro.

O jovem ficou muito feliz em vê-la, quando foi trazida de volta até ele. Lee continuou a chorar enquanto abraçava e acariciava a sua cadela de dois anos de idade, que ele diz ser “tudo o que tem”.

De acordo com Toni Mella Sweeney, do grupo voluntário de Leeds, Helping Hands, Crystal fugiu depois de ela se ter assustado com uma discussão que começou perto dela e de Lee, na passagem subterrânea onde eles estavam a dormir.

Toni explicou ao Metro que contactou uma associação a pedir ajuda, e “eles espalharam cartazes por toda a parte”, disse.

Uma semana mais tarde a cadela, de dois anos, foi encontrada por um pastor.

O reencontro ficou registado em video, e emocionou as redes sociais:

Continuar a ler

TRENDING