Segue-nos

Animais

Cadelinha salva de mercado de carne não larga o colo de quem a salvou

Publicado

em

Esta cachorrinha encolheu-se no canto mais distante da gaiola onde estava fechado, com medo de tudo e de todos.

Ela viu o que aconteceu com outros cães de dentro de sua gaiola, com os funcionários do mercado de carne de cão a puxarem os animais pelo pescoço para serem abatidos. Em algum momento, seria a vez dela, como conta o The Dodo.

Mas quando um homem chamado Michael Chour chegou ao local tudo mudou.

Chour, que é o fundador do The Sound of Animals, um grupo que salva cães do comércio de carnes no sudeste da Ásia, estava de visita a Chomkachek, no Camboja, quando encontrou um matadouro de cães.

Cadelinha salva de mercado de carne não larga o colo de quem a salvou

O activista falou com o proprietário e negociou a libertação de 17 cães, incluindo a cachorrinha que ele chamou de Sweety.

A pequena cadela e os outros cães foram transferidos para um abrigo temporário em O Smach, no Camboja. Depois de serem avaliados por um veterinário, seriam transferidos para o grande abrigo para cães administrado pelo The Sound of Animals no distrito de Ban Kruat, na Tailândia.

Cadelinha salva de mercado de carne não larga o colo de quem a salvou

Quando Chour tirou Sweety da sua jaula de transporte, depois de ter chegado ao abrigo temporário, ela ainda estava com muito medo.

Sweety ficou nos braços de Chour por mais de uma hora e meia: “Ela abraçou-me carinhosamente e deixou-me beijá-la”, disse Chour. “O meu coração derreteu, e eu não pude conter as lágrimas.”

Sweety está agora no abrigo da organização na Tailândia, e ela está a recuperar muito bem e a fazer novos amigos, disse Chour.

Cadelinha salva de mercado de carne não larga o colo de quem a salvou

Apaixonado por rádio, notícias e redes sociais, trago-te todos os dias as histórias mais inspiradoras que encontro na web...

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

TRENDING