Segue-nos

Animais

Cadela usada para criação, foi atirada de uma carrinha, por já não poder ter mais crias

Publicado

em

Uma pessoa que passeava numa rua em Middlesex, Inglaterra, viu uma carrinha a abrir uma das janelas, e alguém atirou um pequeno pug preto para a rua.

Horrorizado, imediatamente correu para a cadela pug, para ver se estava bem, e trouxe-a para uma loja próxima, antes de entrar em contato com a RSPCA, como conta o The Dodo.

A doce cadela, mais tarde chamada de Peggy, foi imediatamente levada para um veterinário local, que determinou que, apesar de não sofrer ferimentos, estava muito maltratada.

A cadelinha estava incrivelmente magra, com várias peladas, e tinha sido claramente usada para criação, ninhada após ninhada, até que ela fisicamente não podia mais aguentar.

“Podíamos ver que ela também estava com medo, e podiamos ver a tristeza nos olhos dela – Deus sabe o que ela passou na maior parte de sua vida…”, disse Liz Wood, vice-gerente do Centro de Animal Millbrook da RSPCA, num Comunicado de imprensa.

“Suspeito que ela tenha sido mantida como uma máquina de criação, para produzir cachorros que poderiam ser vendidos por grandes números. Quando ela chegou ao fim de sua vida útil, eles a descartaram como lixo. É doloroso e totalmente desprezível tratar um cachorro como um objeto descartável”.

A pobre Peggy estava tão assustada que ossocorristas sabiam que precisaria de muito amor para se curar, e Wood decidiu levá-la para casa, e tornar-se na sua mãe adotiva.

Ela vai “trabalhar” para o abrigo todos os dias, e volta para casa com ela todas as noites, e finalmente aprendeu a confiar novamente nas pessoas.

“É por isto que precisamos de regulamentos mais duros em torno da criação e venda de cães, e esperamos propostas do governo”, disse Wood.

“Temos que convencer as pessoas a considerar adotar um cachorro, como a Peggy, em vez de comprar cria. A RSPCA tem milhares de cães maravilhosos de todas as formas e tamanhos, com diferentes histórias e origens, à espera para serem adotados…”.

Apaixonado por rádio e redes sociais, trago-te todos os dias as histórias mais inspiradoras que encontro na web... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

COMENTÁRIOS

Recomendamos




Recomendamos




TRENDING