Segue-nos

Famosos

Bruno, de “Casados”, recorda dependência de drogas dos pais: “Mentalizei-me que ia perde-los…”

PUBLICIDADE

Bruno esteve no programa “Júlia”, da SIC, e fez revelações inéditas sobre a sua infância complicada..

Publicado

em

Por

Bruno, de “Casados”, recorda dependência de drogas dos pais: “Mentalizei-me que ia perde-los…”
Reprodução | Redes Sociais

Nesta segunda-feira, dia 13 de junho, Bruno Santos foi um dos convidados de Júlia Pinheiro no programa “Júlia”, da SIC. O concorrente de “Casados à Primeira Vista” abriu o coração para falar sobre a sua experiência no formato, mas também sobre a sua infância complicada.

Por detrás de um homem sorridente e bem-disposto, também existe um Bruno com um passado complicado. Numa conversa intimista com Júlia Pinheiro, o concorrente de “Casados à Primeira Vista”, da SIC, falou acerca da sua infância difícil, marcada pela dependência de drogas dos pais.

PUBLICIDADE

“Até eu entrar para o 5.º ano, eu ainda tive ali um bom acompanhamento, o tal carinho, o abraço da minha mãe. Tenho ainda algumas memórias em relação a isso. Mesmo no final, completamente já acabada, o carinho dela estava lá e o amor, daquela forma que ela podia dar”, começou por dizer.

Bruno confessou que começou a aperceber-se do vício dos pais aos poucos, uma vez que chegou a ver mais do que uma vez os progenitores a consumirem estupefacientes: “Nunca tive ninguém que me explicasse, com o tempo é que me comecei a aperceber”, afirmou.

Quando tinha apenas 19 anos, Bruno perdeu os pais. Ambos morreram com meses de diferença e a sua avó materna foi o seu grande pilar desde então.

PUBLICIDADE

“O meu pai via-se obrigado a tentar recuperar. A minha última memória foi dele a ser detido, por causa de umas multas que não pagou. A minha mãe nunca recuperou. Dizia mesmo, a minha mãe quando parar vai morrer […] Desde muito cedo que me mentalizei que ia perdê-los”, revelou.

COMENTÁRIOS

TRENDING

v