Segue-nos

Música

Blaya sobre o look da sua actuação para os prémios Play: “Fui eu que fiz! Cuecas da minha mãe com umas farripas do cortinado!”

A cantora que acabou de lançar um novo single “CA$H” acompanhado de videoclipe, não subiu ao palco dos prémios Play, mas esteve presente com uma performance pré-gravada carregada de simbolismo.

Publicado

em

Instagram | Blaya

Aconteceu ontem no Coliseu em Lisboa e foi transmitido pela RTP a primeira edição prémios Play, que visam celebrar e premiar a música portuguesa.

Blaya era uma das artistas mais nomeadas, estando indicada em 3 categorias: Melhor Canção, Melhor artista a Solo e Melhor Videoclipe.

A cantora e bailarina partilhou a sua felicidade com os fãs com o que mais a caracteriza, a dança.

Balya acabou por não levar nenhum dos prémios para casa, e também não subiu ao palco para actuar, mas esteve presente com uma actuação previamente gravada.

A cantora que acabou de lançar um novo single “CA$H” acompanhado de videoclipe, não subiu ao palco dos prémios Play, mas esteve presente com uma performance carregada de simbolismo.

A sua actuação foi carregada de simbolismo como a própria fez questão de explicar.

O look foi pensado e criado por si:

“Roupa das bailarinas feita pela @beatrizracha a minha roupa fui eu que fiz! Cuecas da minha mãe com umas farripas do cortinado! Estrelas cortadas pela @biademaria 😂 coladas com super cola 3 a uma blusa transparente 🙏🏽”

Mas o principal, a homenagem que quis fazer a Leila Diniz: “Ontem quis levar as estrelas nas maminhas para representar leila Diniz – Leila Diniz, A Mulher de Ipanema, defensora do amor livre e do prazer sexual, é sempre lembrada como símbolo da revolução feminina, que rompeu conceitos e tabus por meio de suas ideias e atitudes. 🤘🏽🔥🔥”

Desde 2005 que te conto, todos os dias, as histórias mais frescas sobre música, famosos e redes sociais... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para [email protected]

TRENDING