Segue-nos
PUBLICIDADE

Big Brother

Big Brother: Sandrina sobre a participação no “Duplo Impacto”: “Estou um bocadinho arrependida…”

PUBLICIDADE

Na conferência de imprensa com os jornalistas, Sandrina fez um balanço da experiência no “Duplo Impacto” e explicou o que sentiu à medida que o jogo foi avançando…

Publicado

em

Por

TVI

Sandrina foi a concorrente expulsa na gala de ontem do Big Brother – Duplo Impacto e esta segunda-feira, dia 22 de fevereiro, esteve à conversa com os jornalistas após a sua ida ao programa ‘Dois às 10’ onde foi entrevistada por Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz sobre o seu percurso nesta edição do reality show.

PUBLICIDADE

Sobre a expulsão, Sandrina explicou que era a altura certa para sair: “Foi a altura certa para sair. Já estava farta de lá estar, sentia saudades dos seus meus e já estava a ficar aborrecida. Era um jogo muito agressivo para mim“.

Por não se identificar no jogo, o desgaste foi aumentando com o passar dos dias: “Já entrei um bocadinho cansada e estar sem vontade ainda me desgastou mais. Estou mais desgastada. Fui à psicóloga, que me dizia para ter calma. Não me passou informações do exterior e fez alguns exercícios para me acalmar“.

O prolongar do programa foi algo que mexeu com o seu estado psicológico: “Fiquei ainda pior. Quando entram pessoas novas não é justo, porque estamos lá desde o início“, refere Sandrina, que foi uma das 13 concorrentes que entrou no dia 3 de janeiro, quando o programa teve início.

Fazendo um balanço do programa, Sandrina mostra-se arrependida de ter feito parte desta edição: “Vale sempre a pena entrar e tive mais feedback positivo do que o programa anterior. Entrei pela diversão e para matar saudades do Big e da casa. Mas estou um bocadinho arrependida e se soubesse hoje o que sei, não entrava“.

PUBLICIDADE

Apesar da forma como se foi sentindo no jogo, Sandrina não sente que seja preciso apoio psicológico para já.

Falando em concreto sobre alguns concorrentes, a alentejana confessou ter ficado triste por Jéssica Nogueira a ter avisado quando entrou na casa e, durante a gala, ao tê-la escolhido para expulsar: “Ao certo ela não disse nada e depois disse que estava tudo bem. Fiquei triste porque foi para o meu lado para expulsar, pois eu nunca jogava com as minhas amigas…“.

Falando de Bruno Savate, Sandrina não esconde que o concorrente tinha períodos de maior tristeza, fruto da depressão pela qual está a passar: “Havia alturas em que estava mais triste, mais acabado. Tem alguns altos e baixos“. Já sobre a relação com Joana, acredita que vai dar certo: “Vão dar-se bem, espero que sim. A Joana é muito crescida para a idade e acho que vão dar um bom casal“.

PUBLICIDADE

Sandrina ainda falou sobre Sónia e partilhou os receios que sentia pela sua entrada no “Duplo Impacto”: “Tinha algum receio com a entrada da Sónia, devido às saudades que ela pudesse sentir da família. Ela tem metido na cabeça que vai até ao fim e que vai ganhar. Está melhor e é uma justa finalista“.

COMENTÁRIOS

TRENDING