Segue-nos
PUBLICIDADE

Mundo

Atira ácido à esposa por ter dado à luz duas meninas. Ele queria um menino

Publicado

em

Farah, de 25 anos, é o exemplo de uma história em que podemos ver o poder destrutivo da violência doméstica e do machismo.

Depois de dar à luz a sua segunda filha, a jovem foi vítima do marido, que se chama Siraj, e tem 32 anos.

PUBLICIDADE

O homem, insatisfeito por ser pai de mais uma menina, atirou ácido à esposa enquanto ela dormia. Ele queria um menino.

Os dois eram casados há cerca de oito anos, mas segundo Nusrata Jahan, tudo começou a sair do controle quando a irmã deu à luz a primeira filha.

Esse facto revoltou o marido, e a família dele que, segundo Farah, além de violência psicológica, exercer também violência física sobre a mulher.

PUBLICIDADE

Atira ácido à esposa por ter dado à luz duas meninas. Ele queria um menino

“Depois do nascimento da minha primeira menina, os meus cunhados fizeram de mim um alvo. Era como se eu escolhesse o sexo da criança que gerei”, explicou em entrevista publicada no Daily Mail 

A mãe das duas meninas contou ainda que num determinado momento começou a ser extorquida pelo marido, que exigia uma compensação financeira por não ter um filho homem.

“O assédio foi aumentando com o passar do tempo e, no último ano, as coisas ficaram mais sérias e perigosas. Quando eu não lhe dava dinheiro, apanhava. Estava a tentar viver a minha vida, mesmo com a dose diária de tortura e pancadaria. Nunca poderia imaginar que ele iria atirar ácido sobre mim.”

Depois da agressão, Farah foi levada com queimaduras nas mãos, rosto e abdómen para o hospital de Nova Déli, na Índia.

A violenta agressão aconteceu ontem, Dia Internacional da Mulher.

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

TRENDING