Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

Após moção contra as mulheres, Paula Lobo Antunes propõe retirar “os tomates aos do Chega”

PUBLICIDADE

Paula Lobo Antunes reagiu à moção do partido Chega, que defendeu que devem ser retirados os ovários às mulheres que abortem…

Publicado

em

Paula Lobo Antunes/Instagram

Este fim-de-semana foi apresentada, na convenção do partido CHEGA em Évora, uma moção (que viria a não ser aprovada por larga maioria) onde foi proposto que fosse aprovada uma lei que “retirasse os ovários às mulheres que fizessem aborto”.

PUBLICIDADE

A mesma, intitulada de “Moção Estratégica Global para Portugal” foi apresentada por Rui Roque, antigo militante do Partido Nacional Renovador, que defendeu a sua ideia, considerando:

“Todas as mulheres que abortem no Serviço Público de Saúde, por razões que não sejam de perigo imediato para a sua saúde, cujo bebé não apresente malformações ou tenham sido vítimas de violação, devem ser retirados os ovários”, lê-se.

Quem decidiu insurgir-se face à notícia foi a atriz Paula Lobo Antunes. Na caixa de comentários da página de Instagram da SIC Notícias, onde foi divulgada a referida notícia, Paula Lobo Antunes comentou, fazendo também a sua proposta: “E já agora os tomates aos do Chega”.

O comentário foi “aplaudido” nas redes sociais e houve até quem acreditasse que o mesmo “merecia um Óscar para melhor comentário”. Paula Lobo Antunes partilhou o Story na sua conta oficial.

PUBLICIDADE

Importa referir que, apesar de ter sido apresentada, a moção foi chumbada. André Ventura, líder e deputado do partido Chega revelou no seu Twitter:

“A moção que previa retirar ovários em casos de aborto foi apresentada por um Delegado e chumbada pelo congresso”, lê-se.

Adoro rádio, televisão, música e sobretudo notícias... Todos os dias trago-te os destaques da vida dos famosos...

Recomendamos

COMENTÁRIOS

TRENDING