Segue-nos
PUBLICIDADE

Vida

O abraço de dois irmãos, que lutam contra o cancro, está a emocionar as redes sociais

PUBLICIDADE

Publicado

em

Um cancro raro e agressivo está a devastar uma família do Quebec, no Canadá, onde dois irmãos lutam pela vida, lado a lado, no hospital.

PUBLICIDADE

Jacob Randell, de 14 anos, e sua irmã Sophia, de 5 anos de idade, estão a partilhar um quarto no Ottawa’s Children’s Hospital of Eastern Ontario (CHEO). A mãe, Liliane Hajjar, mal consegue aguentar a visão dos dois nomes das suas crianças na porta do quarto.

“Esta é a imagem mais dolorosa que os meus olhos e coração já viram. Estou devastada. Estamos todos devastados”, escreveu numa publicação no Facebook na quarta-feira. “Esta não é a vida que eu imaginei para eles, mas é o que é, e caminhamos com eles a cada passo”.

Jacob tinha a mesma idade da sua irmã quando foi diagnosticado com um tumor atípico.

PUBLICIDADE

Os geneticistas da Clínica Hereditária de Cancro, da CHEO, descobriram que era uma condição hereditária, causada por uma mutação no gene SMARCB1, e que pode levar a tumores malignos altamente agressivos na infância.

Por precaução, o resto da família foi testado geneticamente. Liam, de sete anos, testou negativamente, mas para Sophia o resultado foi positivo.

PUBLICIDADE

A menina acusou os mesmos marcadores genéticos responsáveis pelo aparecimento dos tumores no irmão, e deixou os médicos e a família em alerta.

Mas o pior receio veio a concretizar-se. Em 2016 Sophia foi diagnosticada com cancro no hemisfério esquerdo do cérebro. Foi tratada e sujeita a cirurgias e superou a doença.

A menina estava a recuperar no hospital quando, há poucas semanas, o irmão começou a ficar novamente doente.

Jacob foi diagnosticado com cancro nos rins e, na mesma semana, os médicos informaram a família de que o cancro no cérebro de Sophia tinha regressado.

Os dois irmãos abraçaram-se no sofá do hospital.

PUBLICIDADE

Na legenda da fotografia a mãe escreveu:

“Esta foi a fotografia mais triste que tirei. Fez-me doer os olhos e o coração. Estou destroçada. Toda a nossa família está destroçada. Não é a vida que imaginei para eles, mas é a que tenho e vou caminhar ao lado dos meus filhos em casa passo deste caminho. Tu e a tua irmã abraçaram-se com tanta força. Agora somos nós a agarrar-vos aos dois”, escreveu a mãe, Liliane Randell, no Facebook.

A imagem e a história trágica desta família ficou rapidamente viral. Os dois irmãos estão agora no mesmo quarto, para poderem estar sempre juntos.

PUBLICIDADE

Entretanto, para ajudar a família a fazer frente às despesas médicas, foi criada uma página para angariação de fundos no GoFundMe.

Nessa página, a mãe publicou um texto, com um apelo comovente a todos os pais:

“Sabem quando os vossos filhos querem fazer alguma coisa, ou vos pedem para fazer algo e vocês dizem ‘mais tarde’ ou ‘noutra altura’?… Façam-no agora. Não esperem. Tenho tantos arrependimentos por causa dos ‘agora não dá jeito’ na minha cabeça”.

Apaixonado por rádio e redes sociais, trago-te todos os dias as histórias mais inspiradoras que encontro na web... Podes ajudar a melhorar este artigo, enviando um email para pedrolopes@hiper.fm

Clica para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

COMENTÁRIOS

TRENDING